Código de cultura — Vindi

Neste documento explicamos o que vivenciamos no nosso dia a dia e o que nos une como equipe, como time.

(Re) escrevemos o código de cultura da empresa. Entrevistamos + de 50 pessoas, fizemos uma séria pesquisa interna e conhecemos os sonhos, os desafios e propósito de cada um dos “vindianos”.

O projeto, que foi capitaneado pelos próprios colaboradores e liderado por duas pessoas com forte alinhamento da nossa cultura, o código renasceu.

Como re-escrevemos nosso código de cultura

Para essa fase da empresa, lemos bastante os documentos do Blitzcaling do Reid Hoffman. Era nosso momento de transição de tribo-para-cidade aqui.

Depois disso, fizemos um grande exercício em entrevistar dezenas de pessoas, individualmente, para perguntar sobre sonhos, carreira e porque vieram parar na Vindi. Disso saiu um documento extenso e tabulado que foi sincronizado com uma pesquisa.

(Importante: somente duas pessoas eleitas por mim, souberam e tiveram acesso às entrevistas. Nenhum sócio ou outro colaborador sabem do conteúdo).

Aí está ele (estou bem orgulhoso).

Alguns ficam pelo caminho, mas a maioria ainda está aqui, ajudando a gente a construir esse legado.

Ainda precisamos de gente boa para se juntar a nós, estamos a cada semana, iniciando um Day 1 aqui. Você é esse tipo de gente?

Abs, Rodrigo Dantas — vindi.com.br

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.