Aulas de inglês de forma multicultural

Como coordenadora das aulas de inglês dadas por voluntários da SFA, no âmbito do Projeto Portugal, gostava de vos contar um bocadinho sobre o que fazemos neste departamento.

Temos um grupo de alunos muito assíduo (cerca de 10), sendo a sua grande maioria oriundos de Cabo Verde e alguns, menos, de São Tomé e Príncipe, Angola e da Guiné. Estes alunos são a grande motivação para que todos os sábados, durante o ano lectivo, uma dupla de professores assegurar aulas de uma hora e meia.

Como existem algumas diferenças de nível de inglês entre os estudantes, dividimos a turma entre os mais e os menos avançados e cada professor voluntário fica encarregado de preparar e lecionar uma aula adequada às necessidades dos alunos. Fazem-se exercícios de gramática — os que eles gostam menos -, pratica-se a leitura e o speaking, muitas vezes com recurso a temas sobre os quais existem divergências de opinião o que permite não só a prática do idioma lecionado como também a partilha de pontos de vista.

É uma experiência incrível podermos fazer parte da vida e da formação de pessoas que, acima de tudo, querem muito aprender e que pelas suas experiências de vida, vontade e determinação, nos enchem de orgulho e de inspiração.

Também os professores voluntários (no ano passado chegámos a ser 8) são uma verdadeira fonte de inspiração por dedicarem o seu tempo e a sua atenção a estes alunos, por criarem dinâmicas diferentes para as aulas e por se empenharem em garantir que dão o melhor de si.

No próximo ano queremos continuar o trabalho desenvolvido até aqui, abranger mais estudantes interessados em aprender ou aprofundar o seu inglês e manter o acompanhamento que vimos dando aos nossos estudantes.

É todos juntos que fazemos acontecer. Nós neles, eles em nós e todos no mundo.

Inês Graça, coordenadora das aulas de inglês