Quadrinistas querem ser reconhecidos no Prêmio Jabuti — mas quadrinhos se misturam com literatura?
Lucas Carvalho
93

O mercado editorial mudou muito nos últimos anos.
A CBL (Câmara Brasileira do Livro) precisa aceitar isso e se atualizar.
Hoje a produção nacional de quadrinhos é grande o suficiente para abrigar uma categoria específica no Jabuti e se faz necessária, sim!
Esta reivindicação é mais do que justa e merece ser aceita.
No final de 2015, abordei o tema em minha coluna no PublishNews:
“Sem entrar em discussões teóricas, considero que as histórias em quadrinhos não são literatura. Elas são uma linguagem autônoma composta de palavras e elementos visuais. Por sua vez, o Jabuti não é um prêmio de literatura, mas um prêmio para incentivar o mercado do livro, do qual os quadrinhos fazem parte. Acredito que uma das funções do Jabuti é justamente estimular esta produção. Além de valorizar escritores o Jabuti destaca a qualidade do trabalho de todas as áreas envolvidas na criação e produção de um livro. Como a própria organização afirma: “o maior diferencial do Jabuti em relação a outros prêmios literários é a sua abrangência”. Que assim seja!

http://www.publishnews.com.br/materias/2015/11/11/os-quadrinhos-do-a-volta-por-cima-no-prmio-jabuti

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.