(1/8/16)

eu poderia dizer que logo passa eu poderia saber que vai passar mas não vai.

não agora que tua presença ainda me faz arrepiar da cabeça aos pés, o teu cheiro me dá febre, teu olhar acelera toda minha circulação sanguínea e teu andar em minha direção me faz lembrar de quando te tinha por inteiro.

talvez um dia o universo me conceda a paz que me falta e tire de mim essa dor agonizante,

mas não vai,

ainda.