Eu vi o caio. A primeira vez que eu vi o caio eu tinha 19 anos e minha melhor amiga estudava na mesma faculdade que ele. Um dia vi caio na rua, nos olhamos e nunca mais. Depois só vi na balada e acompanhava caio de longe. Lia seus escritos que sempre falaram comigo. Pela escrita parecia que eu tinha algum tipo de intimidade com ele. Empatia. Compartilhávamos da mesma visão de mundo. Hoje vi o caio, saindo do carro e subindo a escada do shopping. Ele lindo. Eu com a minha pior auto estima. Olhei pra dentro. Percebi que preciso reagir. Preciso florescer. Preciso ser a melhor parte de mim. Pra mim. Por mim. O caio? Continua lindo e mantém sua influência indireta em mim. Espero um dia que possamos nos cruzar e conversar.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.