Onde descartar equipamentos eletrônicos em São Paulo

O que fazer com a TV obsoleta, o celular quebrado e o computador ultrapassado? E com aquele monte de cabos e fios que você nem sabe mais onde guardar?

Equipamentos eletrônicos fazem parte do nossos cotidiano em volume cada vez maior. Quando descartados de forma inadequada, além de lotar os aterros sanitários, representam um retrato do descarte inconsequente e do consumismo acelerado que se tornaram riscos ao meio ambiente.

Foto | Chico Castro

Consideram-se eletrônicos computadores, CPUs, notebooks, impressoras, rádios, celulares, televisões, micro-ondas, liquidificadores, entre outros. Para coletá-los, a cidade de São Paulo tem pontos de coleta que contam com pessoal capacitado para o manuseio adequado desses materiais.

Um exemplo é a cooperativa Coopermiti, que recebe, além dos eletrônicos já citados, itens como fibra ótica, fitas magnéticas (DAT, VHS, K7, Beta Cam), disquetes, rolos de filme, toners e cartuchos de tinta, refrigeradores, freezers, pilhas e baterias, aparelhos de ar condicionado e bebedouros elétricos. Os materiais podem ser entregues na própria cooperativa ou nos postos de coleta em endereços de locais parceiros. Vale esclarecer que pilhas e baterias não são considerados eletrônicos e, por isso, nem sempre são recebidos por quem coleta esses materiais, que devem ser devolvidos aos pontos de venda ou levados a locais específicos.

Outro ponto de coleta de eletrônicos na cidade de São Paulo é o Centro de Descarte e Reuso de Resíduos de Informática (Cedir), da Prefeitura da USP da Universidade de São Paulo (USP), dedicado ao descarte sustentável de bens de informática e de telefonia desde 2009, e que recebe cerca de 500 a 1.000 equipamentos por mês.

No Cedir, os equipamentos recebidos são avaliados. Depois, são consertados e reaproveitados dentro do campus ou cedidos para entidades sem fins lucrativos. Os que não são recuperáveis são desmontados e encaminhados para empresas especializadas que aproveitam componentes na fabricação de novos produtos ou fazem o descarte adequado.

Foto | Chico Castro

“Recebemos equipamentos das faculdades da universidade e aceitamos doações da população. O que não é consertado ou reutilizado vai para descarte adequado, seguindo para empresas com certificação para trabalhar com esse tipo de material”, explica o engenheiro de materiais André Rangel, um dos cinco técnicos do Cedir.

“Já levei na USP até câmera fotográfica digital de amigos, além de tudo o que chamam de periféricos como CPU, mouse, teclado, controle remoto, cartuchos de impressora”, conta o fotógrafo Gilberto Marques, que se preocupa em descartar adequadamente os eletrônicos dele e de pessoas próximas e espera que a cidade desperte para a importância desse gesto.

Onde descartar lixo eletrônico em São Paulo:

Zona Norte

Coopermiti 
Site | Página no Facebook
Rua João Rudge, 366, Casa Verde. Tel.: (11) 3666–0849; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 17h, sábado das 8h às 12h; retira volumes grandes de empresas.

Santana Parque Shopping (pequenos objetos)
Site | Página no Facebook

Rua Conselheiro Moreira de Barros, 2.780, Santana. Tel.: (11) 2238–3002; funcionamento: de segunda a domingo, das 10h às 22h.

Zona Sul

CEU Formosa
Site | Página no Facebook

Rua Sargento Claudiner Evaristo Dias, 10, Parque Santo Antônio. Tel.: (11) 2036–4300; funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 17h.

Paço Cultural Júlio Guerra

Site | Página no Facebook

Praça Floriano Peixoto, 131, Santo Amaro. Tel.: (11) 5523–6455; funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 17h; entrada para carros pela rua Paulo Eiró.

Zona Oeste

Colégio Heitor Garcia

Site | Página no Facebook | E-mail

Rua Roma, 350, Lapa. Tel.: (11) 3853–4996; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 18h/

Continental Shopping

Site | Página no Facebook

Av. Leão Machado, 100, Jaguaré, estacionamentos A1 e A2. Telefones: (11) 4040–4981 ou (11) 2666–3830; funcionamento: diariamente das 10h às 23h. Exceto objetos grandes.

Parque Luís Carlos Prestes

Site | Página no Facebook

Rua João Della Manna, 665, Butantã. Tel.: 3721–4965; funcionamento: 24 horas.

Parque da Previdência

Site | Página no Facebook | Grupo no Facebook

Rua Pedro Peccinini, 88, Jardim Previdência. Tel.: (11) 3721–8951; funcionamento: de segunda a domingo, das 7h às 18h.

Parque Alfredo Volpi

Site | Página no Facebook

Rua Engenheiro Oscar Americano, 480, Morumbi. Tel.: (11) 3031–7052; funcionamento: de segunda a domingo, das 6h às 19h.

Centro de Descarte e Reúso de Resíduos de Informática da USP (Cedir)

Site | E-mail
Av. Professor Almeida Prado, 1280 (prédio da Prefeitura da USP), Cidade Universitária, Butantã. Telefones: (11) 3091–8237 ou (11) 3091–8238; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h30 às 17h, fecha para almoço das 12h às 14h.

Zona Leste

Associação Reciclázaro

Site | Página no Facebook
Av. Ariston Azevedo, 10, Belenzinho. Tel.: (11) 2081–3673; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 16h.

Cooperativa de Reciclagem Nova Esperança

Site

Rua Japichauá, 311, Ermelino Matarazzo. Tel.: (11) 2214–2350; funcionamento: segunda a domingo, das 8h às 17h; sábado, das 8h às 12h. Exceto pilhas.

Cooperativa Chico Mendes

R. Cinira Polônio, 369, São Mateus. Tel.: (11) 2752–9446; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 17h. Exceto pilhas.

Ecobraz

Site
Rua Salomé Queiroga, 64, Vila Carrão. Tel.: (11) 4329–2001; funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 16h. Agendamento de coleta na residência ou empresa pode ser feito pelo site. Exceto eletrodomésticos da linha branca e TVs de tubo.