Naquela tarde…

Você não me ligou,

Não me escreveu,

Não ouvi sua voz,

Nem você a minha,

Nem nossos olhares vão se cruzar mais por um tempo,

Trocamos meia dúzias de mensagens

Todas simples, frias e sem calor ou afeto algum

Chegou a segunda-feira,

05:57 da manhã, levantei com o seguinte dilema,

Deixar de seguir? Padrão? ou Ver primeiro?

Deixar de seguir você…não foi uma opção, foi uma decisão conjunta e madura nossa.

Ainda tenho aquela pasta nossa de memórias, que assim que você copiar o que é do seu interesse, eu vou apertar o botão Delete e receber a seguinte mensagem.

“Tem certeza de que deseja mover esta pasta para a Lixeira?

A resposta…essa nós já sabemos…

Like what you read? Give Alair Ribeiro a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.