A consciência da existência
é um serviço do tempo à vida
Porque só se existe no agora.
Existir é a certeza poética
da apoética vida cotidiana.
Logo eu vivo sem saber
E quando tomo consciência,
sem querer, faço poesia.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.