Piromante: Por que incêndios não queimam tudo ?

Mulheres queimam. Mulheres são piromantes. Adivinham. Queimam.

É estranho quando tudo se repete e a piromante retorna como um demônio que apenas estava escondido sob um disfarce, e mesmo quando você acha que tudo passou, que tudo está transparente, claro e calmo, no final ainda há uma pequena fagulha que pode sempre causar um novo incêndio.

Incêndios que podem queimar tantas coisas, tantas lembranças, tantos e tantos devaneios bons, porém que nunca queimam a pele que um dia foi tocada pelo sua melífluo toque. A fumaça nunca me deixa morrer asfixiado, pois até mesmo aquele cheiro habitual do seu perfume não desaparece. O calor se mistura ao ardor causado por todo mal que me causou -e ainda causa frequentemente.

Por que incêndios não queimam tudo, piromante?

Se sou combustível dos mais inflamáveis e ainda assim não sou totalmente queimado, há alguma explicação? Sou vulnerável e ainda assim não sou totalmente atingido!? Como pode isso ?

Não, eu não consigo entender esse demônio retornando.

Eu não consigo entender essa vulnerabilidade “fajuta” e selecionada. Ou se é atingível, ou não é. Nunca existiu meio termo.

Mais uma vez retorno a afirmação: É estranho!

Por que incêndios não queimam tudo ?

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Flavio Gama’s story.