"Yentl em Concerto" reestreia no Teatro Porto Seguro

A primeira vez que Yentl em Concerto desembarcou aqui no Teatro Porto Seguro foi numa pequena temporada ano passado, no mês de novembro. O sucesso e o carinho pela história foram tão grandes que ontem uma nova temporada estreiou — curtinha também, já que serão 3 apresentações às segundas-feiras, novo horário da casa.

“Yentl em Concerto” é um meio-termo entre concerto e stand-up, na definição da própria Alessandra Maestrini. Ela canta, encena e conta a história de Yentl, uma jovem judia que perde o pai e tem uma grande ambição: ir para a faculdade e estudar num tempo onde mulheres eram vistas apenas como mães e donas-de-casa.

"Trata-se de uma mulher que enfrenta uma sociedade conservadora e machista no início do século 20. Hoje, ainda podemos relacionar o que ela passou com temas atualíssimos, como a discussão em torno dos transexuais, da homossexualidade e a violência contra a mulher." — Alessandra Maestrini

Yentl arrisca tudo. Se veste de homem, ingressa na universidade e precisa manter uma mentira, onde seu corpo pode traí-la a qualquer momento. Para piorar, ela se apaixona por um jovem estudante. Quanto tempo essa mentira dura?

Alessandra vai percorrendo a vida de Yentl através de músicas clássicas, que ganham uma roupagem sofisticada ao som do piano de João Carlos Coutinho. É o caso de “Papa, Can You Hear Me?”, sucesso absoluto na voz de Barbra Streisand, que adaptou a peça escrita em 1975 para o cinema, num filme indicado ao Oscar e vencedor do Globo de Ouro de Melhor Direção em 1983.

Barbra inspira Alessandra há muito tempo: “Vi o filme bem lá atrás, era muito garota. Eu acordei como artista quando ouvi Barbra Streisand. Antes da adolescência, já sabia que cantar e dançar faria parte da minha escolha profissional, mas não imaginava de que forma eu colocaria isso em prática. Quando eu a ouvi cantando e interpretando, percebi que poderia trabalhar em um estilo semelhante. Foi como se uma fada me tocasse com uma vara de condão”, conta.

Anos depois, ela transforma a história em um pequeno concerto: “Estou no palco como uma criança que assistiu a um filme, se apaixonou pela história e quer contar o que viu para todo mundo.” Você pode conferir esse espetáculo no Teatro Porto Seguro às segundas-feiras, de 16/05 a 30/05, sempre às 21h. Ingressos aqui.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.