A banalização da astrologia na Internet

Por Samilla Souza

A astrologia é, por definição, uma pseudociência que estuda os corpos celestes e as prováveis relações que possuem com a vida das pessoas e os acontecimentos na Terra. O título de pseudociência é lhe dado por envolver misticismo e superstições, características que não se encaixam no que é conhecido por ciência. No entanto, desconsiderando correntes científicas que desvalorizem isso, a astrologia é um agrupamento de estudos feitos por pesquisadores competentes que merecem seus créditos pelas descobertas e avanços alcançados.

Com o crescimento da Internet e o eminente aumento no número de pessoas utilizando as diferentes mídias sociais nela contidas, não é de se admirar que um assunto como a astrologia, que envolve o comportamento e a personalidade das pessoas, também esteja presente nesses espaços. Entretanto, o conteúdo lido pela maioria é apenas generalizado, o que acaba por fazer com que algumas pessoas achem que estão entendendo muito sobre um assunto que é bem mais complexo que parece ser.

Como resultado disso, algumas definições compartilhadas acabam por banalizar – ainda mais — a veracidade da teoria astrológica, o que é o caso de postagens como as das fan pages “Signos da Zueira” e “Maluca dos Signos”, com 1.651.039 e 1.129.976 likes, respectivamente.

Inicialmente, um dos principais intuitos da astrologia é o autoconhecimento. Com a popularização do assunto, páginas têm criado conteúdo de “adivinhação”, “prevendo o futuro”, ou exemplificando que pessoas que têm um determinado signo solar são necessariamente de um jeito, ou reagem da mesma forma diante de alguma situação comum no dia-a-dia.

Exemplo do conteúdo citado 1
Exemplo do conteúdo citado 2

A criação de conteúdo desse tipo ganhou visibilidade e atinge um grande número de pessoas, fazendo não apenas com que o assunto se torne banal, mas levando informação que pode deixar as pessoas realmente ignorantes no que se refere à astrologia, por acreditarem em algo que não é o propósito da teoria. O conteúdo, por vezes, pode ser engraçado, mas sabemos que não é porque eu sou libriana que eu devo ser uma pessoa que visualiza e não responde no WhatsApp.

Além disso, o compartilhamento de alguns assuntos abriram precedentes para as pessoas usarem seus signos como justificativa para alguma atitude inconsequente ou simplesmente ruim. É preciso ter ciência de que não é assim que funciona, pois como já dito, um dos propósitos da astrologia é o autoconhecimento no que se refere às mais diversas áreas do comportamento humano. Partindo do princípio que uma pessoa que conhece suas qualidades, limites e defeitos vá apenas crescer com isso, a astrologia não existe para justificar o erro de ninguém, mas para compreender o lado humano e indicar possibilidades de solução.

Sobre colocar a culpa dos seus atos na astrologia, o BuzzFeed fez a lista de “14 tuítes que vão irritar profundamente os malucos por signo”, exemplificando o assunto de forma bem humorada, confira: https://goo.gl/OfPe1d.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Tem de tudo’s story.