Para fugir do óbvio em dias quentes

[09/03/14]

foto: divulgação

Em cidades quentes como a nossa, variar é uma questão de conforto. O jeans e mesmo aquela calça linda em tecido sintético no guarda-roupa devem dar passagem para que outras peças mais leves entrem (e saiam). Com a mudança, quem sabe não nos arriscamos mais no estilo?

Para a blogueira Eduarda Scharnhorst, do Blog da Duds, as melhores opções são os tecidos de algodão e de linho, por permitirem a transpiração da pele e garantirem conforto. Com o linho, a blogueira sugere aproveitar para investir em looks mais formais e manter o estilo. Em relação às cores, não há como fugir dos tons claros. Quanto menos escuro, menos se absorve a luz do sol e a sensação térmica será menor: “Invista em tons pastel e jogue a estampa para blusa, assim você terá vários looks com uma única calça”, opina Eduarda.

Quem não quer abrir mão da estampa pode usar tons neutros e de fundo claro. “Se desejar fugir do calor, evite ao máximo estampas com fundo preto e cores quentes”, diz a fashionista. Para quem gosta da versatilidade das calças jeans, há algumas opções de modelos mais frescos: o jeans ou a calça social podem ficar no estilo pescador, com a bainha dobrada para fora, assim como é possível pensar em calças de alfaiataria. “Vai do escritório ao happy hour”, recomenda Eduarda.

Para investir em alguns desses modelos, é válido pesquisar em lojas de tecido, como a Casas José Araújo, no bairro da Tamarineira, ou Avil, em Boa Viagem — ambas também encontradas no centro do Recife. No centro, aliás, as opções são mais diversificadas: no entorno da Igreja Nossa Senhora do Livramento, no bairro de São José, há uma concentração de lojas de tecidos.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Thaís Cavalcanti’s story.