por que é que nossos melhores textos, poemas e manifestações literárias geralmente são sobre outra pessoa e não sobre nós mesmos?

por que geralmente preferimos ler a textos que falam sobre um grande amor ou uma grande dor do passado?

por que temos facilidade em escrever sobre a grandiosidade ou inferioridade de outro e não sobre o extenso universo que existe dentro do que chamamos de "eu"?

por que a inspiração e criatividade nos atinge nos momentos de profunda dor e ressentimento?

e acima de tudo, por que temos a necessidade de criar em cima de nossas dores e cicatrizes?

essas foram as perguntas que mais me deixaram intrigada recentemente e esses foram os questionamentos que me levaram a criar essa página. não sei se elas se aplicam a você da mesma forma que se aplicam a mim, mas não há como negar que a internet tem se tornado cada vez mais um lar para sentimentos e desabafos reprimidos na atual geração do desapego, na geração que mais abomina atitudes egoístas ou atos de amor-próprio. porque é isso que a escrita e todas essas perguntas dizem a respeito: egoísmo. o ato de expor cada pedacinho de si mesmo e de quem te feriu sem tomar nenhuma responsabilidade emocional sobre quem suas palavras atingirão e de que forma atingirão é o ato mais egoísta que se pode fazer hoje em dia. mas não para por aí. veja bem, junto com toda essa ação não-altruísta que vem de dentro de nós sem conseguirmos controlá-la, vem também a empatia. mas não aquela empatia que você sente pelo o outro apenas para não faltar com a compreensão mútua, mas sim aquela empatia que faz com que o outro sinta o mesmo que você. essa é a empatia de identificação. empatia não é tomar as dores de um outro alguém só pela pena que a dor alheia te traz. empatia é se sentir tocado e identificado de alguma forma pelo sentimento alheio, por mais que as suas histórias não sejam as mesmas.

essa página se inicia em uma tarde fria de maio por causa de um ato egoísta e com um objetivo abertamente egoísta:
o objetivo de criar empatia. nem que seja só um pouquinho e nem que seja por parte de uma pessoa apenas. nem que não seja por parte de uma pessoa em especial.

espero que alguém se identifique.

https://www.facebook.com/identifique-se-213835942466375/