Dia D

Santo domingo!

Dia de poesia,

Poesia bruta!

Que brota em teus olhos,

Teus lábios e naqueles mal amados.

Do que vale ter sentido se não é sentido ?