Suma

suma entre os outros

Uma frase que você já ouviu “nem sempre o que é certo é o mais fácil a fazer”. Verdade! Você pode até não acreditar nessa frase mas se é preciso tomar uma decisão para que sua sanidade futura funcione bem, então, avante.

Os indícios estão aí “vai dar merda”, você insiste. Você quer ser diferente. Você quer se destacar entre os(as) demais. Sinto dizer mas, você não vai. Você é só mais um(a) na multidão. Saia! A conta está fechando, suma, desapareça, migalhas só servem para cachorros e porcos, não para pessoas. Há, no mundo, quem te prepare um banquete e há quem te dê apenas um pedação de pão. O que você prefere?

Você se doa sem reciprocidade, você vive tudo sozinho(a), afogado(a) na sua fantasia, você precisa sair disso. Te oferecem pouco e você aceita. Você é ingênuo(a) ou você tem medo de ficar só? Por que a solidão te assusta tanto? Ser só é bom. Por que você não sabe disso? Por que você não se aproveita mais como havia prometido? Vai devagar. Não mergulhe em águas poluídas. Não se esparrame onde onde você não foi chamado(a).

Aí você insiste mais um pouco, pode ser diferente dessa vez mas, não é. É tudo igual. Você não pode aparecer, você não pode se abrir, você tem que se guardar, guardar tudo para si. Você está repetindo erros, você está se afogando em seu mar de fantasias, você repete erros. Você não aprende? Você gosta mesmo de migalhas, não é mesmo? Pare! Suma! Saia dessa condição e assuma o controle sobre si. Viva! Não se contente com tão pouco, você merece mais.

We built this town on shaky ground

Você é forte, se erga! Você não tem que ser sensível assim. Você pode mais, bem mais do que você imagina. Você idealizou algo que não existe e por isso sofre. Você acredita demais na bondade humana. Mas, tenha equilíbrio. Você é forte! Você já teve orgulho das suas atitudes, tenha de novo. Faça o certo por você. Assuma o controle, saia da inércia. O que é para dar certo, dá indícios primários e o que não é, também. Se atente! O mundo é bem maior do que a mera cidade onde você mora. Suma!