Não é só de um Designer: a cultura do Design precisa estar nas Empresas

Thiago Xavier
Apr 5, 2018 · 3 min read

“Ah! Quer dizer que você é o cara das cores?! Muito legal o seu trabalho.” Resolvi escrever um pequeno artigo sobre essa colocação, que ficou por algum tempo “batendo” na minha cabeça.

Quem nunca ouviu uma coisa parecida, um dia vai ouvir (espero realmente que não). E após ficar refletindo essa frase por alguns dias, que veio de um gerente de um projeto que eu estava envolvido, pensei em compartilhar e ver com outros Designers se já passaram por algo parecido, pode comentar. Daí veio minha reflexão: mais do que um Designer, o que alguns projetos e algumas empresas precisam é de implantar a cultura do design para atingir um novo patamar.

E para confirmar mais esse meu pensamento, participei, a convite de um amigo, de uma palestra sobre a VTEX que, na contra-mão desse comentário que “recebi”, um cara muito gente boa, Gabriel Galc, ele é Designer da VTEX, empresa líder na área de e-commerce no Brasil e que está ganhando força mundo à fora, disse: “Temos cerca de 70 produtos, e como não temos 70 Designers, estudamos a melhor forma de fazer com que os mais de 300 funcionários pensassem como Designers”. Eu achei isso fantástico, e mais do que fantástico, isso seria a prova que eu precisaria para escrever e tentar implantar a cultura do design por onde eu passar.

Outro cara que passei a admirar pela competência nos projetos que trabalha, Demian Borba, um dos líderes do projeto Adobe XD, falou em uma conversa no YouTube que mais do que implantar features e mais features, o projeto do XD foi/está sendo revolucionário para Adobe dentre outros aspectos, porque colocou o usuário como peça chave na construção da ferramenta, e que algumas features que poderiam ter desde o início, como algumas pessoas questionavam, não eram prioridades para a maioria dos usuários. E isso hoje está fazendo do XD uma das mais importantes ferramentas para os Designers. Hoje eu já utilizo em todos os meus projetos de interface e otimizou bastante o meu trabalho.

Pois bem, dei dois simples exemplos, entre milhares mundo à fora, de como pensar design dentro dos projetos vale a pena; eleva a qualidade dos produtos e faz com que o serviços seja focado no usuário e não em quem gerencia ou quem paga. Deixo a semente da discussão: vamos tentar implantar a cultura do design onde trabalhamos. Vamos buscar ter o Designer no kick off dos projetos, isso pode evitar de já entramos com as telas previamente prontas, vinda dos desenvolvedores; tentar fazer com que acatem as mudanças significativas mesmo com o impacto no desenvolvimento que pode atrasar a entrega, mas mostrar que o usuário será beneficiado sempre deverá ganhar a discussão; levantar a bandeira de ao menos fazer teste com UM usuário (que é melhor do que nenhum). E num cenário ideal abrir espaço para uma conversa e inserção dos demais métodos de UX, por exemplo.

Sei que no mundo das Startups e de grande empresas inovadoras isso já está muito bem definido, mas em algumas empresas os Designers ainda precisam de um pouco mais de espaço. Creio que prezar por resultados, tempo e recurso, tem sua importância, mas converter um usuário para ser fiel ao seu produto é bem melhor. Vejo que falta o entendimento esse importante conceito.

Respeito muito desenvolvedores, gerentes de projetos, líderes e masters, mas coloquem o seu Designer no kick off do projeto e faça uma comparação com um projeto em que você pediu para ele trocar as cores, tenho certeza que o Designer é mais importante do que você imagina e pode, inclusive, evitar muito retrabalho e vocês não terem que voltar para algumas sprints. :)

Espero ter contribuído e até o próximo texto.

[]s

Thanks to Túlio Lacerda

Thiago Xavier

Written by

Product Design UI/UX at VIRTUS/UFCG… #DesignSprint #Guitarra #Tênis #Run #Design