Legado de vergonha

Abaçaí arrendou as terras
Desterro de Guarani Kaiowá 
Nem tapera, oca ou biboca 
Uma mísera refeição por dia 
Rudá surdo ao canto das índias 
Na surdina se achega Andira
Oferecendo à quiça de ajuda 
Inoculação de varíola e açúcar com estricnina 
Sob os auspícios do patrono primeiro Anhanguera
Cari tomou de chofre ouro e prata
Trouxe espelhos com o mistério do reflexo 
Trouxe sangue e fogo sob a superfície das águas
Os grileiros fizeram mira até acertar 
Caiu a criança da aldeia subnutrida 
Caiu o pai que trocou seu voto por cachaça 
Caiu a mãe depois de ser violentada Clamaram em vão pela vida os membira 
Primeiros filhos de uma terra devastada 
Há quinhentos e poucos anos gradativamente massacrada
Pela catequização no aldeamento demarcada
Cari tomou de chofre também a alma 
O deus crucificado que o novo xamã pregou se cala 
Surdo às preces de quem já não pode oferecer mais nada.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.