Destrua suas ilusões

DESILUSÃO acabou assumindo uma conotação negativa. Como em “desilusão amorosa”. Mas aprender a ver além das ilusões que nos são apresentadas cotidianamente é um execício libertador. Desilusão é, afinal, um acontecimento extremamente valioso. A ilusão é que constitui o problema.

Já dizia o imortal Mário Quintana:

“Meu saco de ilusões, bem cheio tive-o.
Com ele ia subindo a ladeira da vida.
E, no entretanto, após cada ilusão perdida…
Que extraordinária sensação de alívio!”

Os amigos que se provaram falsos, a carreira que se mostrou pouco realizadora, tudo aquilo que você acreditava estar fazendo direitinho e no fim se mostrou uma sucessão desastrosa de erros. Tudo aquilo que ruiu diante dos seus olhos só colaborou para tornar a sua visão da vida mais clara, livre das espessas camadas de ilusão que nublavam seu discernimento.

Agradeça por cada desapontamento. Sem eles, ainda seria o tolo de ontem, com as costas curvadas sob o pesado fardo da ilusão.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.