Neste vídeo vejo um indivíduo

Vou falar uma coisa, mas tenham calma. Assim como muita gente…

Também não gosto de legião e acho que muita coisa do inconsciente é impresso na música e dá o tom artificial e, como bem feito o paralelo por você, não sabia de onde vem. Agora tenho um melhor panorama.

Ele pareceu-me feliz em sua fala, apesar de demonstrar a si como um ser com adjetivos defeitos pela sua própria fala e não preocupar-se com isso, produzir conteúdo de forma hipócrita e não ter total conhecimento do que fala.

Ele critica o país, mas que país é esse?

Um ponto a se ressaltar é que ele está revoltado com os altos impostos e o custo benefício impostosXretorno.

Não é um discurso vazio neste quesito, como o puro imposto é roubo. Há um ponderamento na falta de retorno, e o ponto de defesa do capitalismo como ele diz-se ser parece embasado nessa raiva dele.

Somos roubados

A inflação “galopante” da época era bem mais revoltante, a corrupção não era pública e passava desapercebido.

Não havia internet, não era possível denunciar ou escancarar. Há um belo retrato da época estampado num homem.

Isso tudo num conceito pós guerra fria… onde acreditam que ou se é comunista [100%] ou é capitalista [100%].

Hoje, que não é assim, ainda acreditam nisso… mesmo com informação, imagina na época.