“Quando penso em nós três, fica pra outra vez…”

- Acorda, amor, acorda!!!

- Meu Deus! Que que foi? Pra que esse barulho todo?

- Acordei com uma vontade estranha de ouvir Pato Fú.

- Pato Fú? Ah vá..tanta bandinha meio pop, meio rock, mais atual pra você querer ouvir…Pato fú…tão anos 90…

- É sério! Poxa, pode me levar a sério?!

- Tá, tá…pato fú, e aí?

- Aquele maldito refrãozinho não sai da minha cabeça: “Aquilo tudo que eu decorei…”

- Chiclete mesmo, né? “E depois do beijo que já sonhei..”

- Aí até você tá cantando agora.

- Ah mas é bonitinho, vai.

- Mas olha só, eles TEM que ter alguma coisa de errado.

- Para de viajar e volta a dormir, isso é sono, só pode.

- Olha só! Você já foi no show deles? Rola toda uma macumbaiada estranha. E eles tem aquela música: “Capetão!!” que nem fez sucesso e eles tocam show sim, show também.

- Então você tá dizendo que eles tem um pacto? Agora eu posso dormir, né?

- Não, não pode. E aquela “canção pra você viver mais”? Tem que ter alguma coisa…prolongar a vida do sujeito é estranho, vá lá.

- hum

- “E depois do beijo que eu já sonhei”…Você ouve isso uma vez, UMA ÚNICA VEZ, e irá querer cantar pra sempre. Ainda vai achar bonitinho.

- Tá bom, então a gente vai acusar todo mundo que tem refrão chiclete de pacto com demo. Vamos crucificar do Michel Teló ao Los Del Rio?

- Los Del Rio?

- É, é, eles cantavam Macarena, lembra? “Dale a tu cuerpo alegria macarena”…

- Arre!

- Viu? Coisa bem mais demoníaca que Pato Fu.

- Não, não… Mas olha só. Eles dizem que cantam rock. É uma banda conhecida no país todo, pra falar só do Brasil, e até hoje são underground. Até radiohead já deixou de ser underground há anos…

- Faz sentido.

- Fora a vocalista, como ela chama mesmo?

- Fernanda Takai.

- Isso. Ela tem aquela vozinha docinha, quase morrendo. Definitivamente, não existe nada de rock ali.

- É, isso é. Inclusive tenho uma teoria de que nunca se pode vencer um concurso musical cantando Pato Fu. Porque qualquer meia boca consegue cantar. Aí os jurados te olham e já veem enrolação: “xiii lá vem a nerdzinha metida a cult querer meter pato fu e passar por ser afinadinha.”

- Sério? Que tipo de programa você anda vendo na tv?

- É no Youtube, mas deixa pra lá. Fala mais da tal conspiração.

- Não é conspiração, nem pacto. é só alguma coisa.

- “Não é conspiração, nem pacto, é só alguma coisa”. Você também tem alguma coisa, inclusive é a mesma que eu. Tem que dormir! boa noite!

- Você não me entende, né?

- Não.

-Tá bem, boa noite.

- Amor, acorda!

- Oi, que foi?

- Depois que você falou não consegui mais dormir. Lembra daquele álbum deles: “Rotemusic de liquidificapum”?

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.