FLEXÕES POÉTICAS

eu
que num vale me fiz,
que pro mundo nasci,
que pro nada me ando,
que sem nada caminho,
que a fiz um caminho,
florido caminho,
que percorro tão só,
que me voa tão leve,
que me voa tão ceu,
que me sonho tão seu,
eu.

que me rumo sem rumo,
que me vejo sem prumo,
que me mudo de casa,
que me mudo de alma,
que me visto janeiro,
que me rolo de riso,
que me sinto um rio,
que me corro certeza
pra um mar de certeza,
que se não fosse seu cheiro,
que se não fosse seu jeito,
que se não fosse o não fosse,

eu,
não seria hoje,
assim,
tão,
meu.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Tony Marlon’s story.