A preocupante resposta do STF aos ataques sofridos

O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu na quinta-feira (14/03) um inquérito para investigar a disseminação de notícias falsas, bem como ameaças contra o tribunal e seus membros. É decerto inaceitável o desrespeito à instituição republicana do STF e aos seus integrantes. A Transparência Internacional repudia toda e qualquer forma de ataque que possa ameaçar este pilar de nosso sistema democrático.

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Mas a liberdade de crítica é também pilar central na construção democrática. O escrutínio público se faz ainda mais fundamental quando seu objeto é uma instituição suprema, cujo principal controle sobre seus atos recai sobre ela própria. A crítica legítima não pode, evidentemente, exceder-se em ataques caluniosos, difamadores e injuriosos.

A instauração de inquérito criminal por parte de uma corte constitucional é ato inusual e tanto mais por não ter sido provocado externamente. Causam especial preocupação suas motivações e objetos genéricos, sem definição de fatos ou condutas específicas.

A disseminação sistemática, organizada e intencional de mentiras é uma das maiores ameaças atuais ao sistema democrático. Deve ser apurada e coibida com rigor, mas seguindo as vias judiciais regulares. Mantido em sua forma e amplitude legalmente questionáveis, o inquérito instaurado na quinta-feira traz o risco de ameaçar mais liberdades do que coibir crimes.

    Written by

    Por um mundo em que governos, empresas e o cotidiano das pessoas estejam livres da corrupção. Contato: brasil@br.transparency.org

    Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
    Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
    Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade