5 hábitos que todo bom gestor de academia deve ter

O sucesso de um empreendimento está nas mãos do seu gestor. Essa frase pode parecer simplista, mas não é. O mundo dos negócios está repleto de técnicas, ferramentas e estratégias consideradas por muitos como essenciais. Mas por que elas funcionam muito bem para uns e em outros casos nem tanto?

Isso acontece justamente porque, além de conhecê-las bem, é preciso também que o gestor saiba como implementá-las de maneira efetiva. Mas temos uma boa notícia: se você é ainda não tem essa habilidade para fazer sua academia alcançar melhores resultados, ela pode ser desenvolvida com 5 hábitos básicos que todo gestor de academia deve ter. Vamos a eles?

1. Saiba delegar atividades

Um erro comum que os gestores de academias cometem é centralizar todas as tarefas para si mesmo. A maioria dos proprietários de academias no Brasil (cerca de 77%, segundo a International Health, Racquet & Sportsclub Association — IHRSA) são graduados em Educação Física. Por conta disso, muitos são também professores, dando aulas para seus alunos. Isso faz com que, muitas vezes, ele tenha dificuldades em delegar certas atividades, sejam elas na área administrativa ou técnica.

É preciso ter em mente que no momento que você abre uma academia, você é muito mais gestor do que professor (a não ser que sua academia só tenha você como instrutor, o que não é a regra). Então comece a desapegar da ideia de que “só é bem feito se eu mesmo fizer”. Saiba escolher bons profissionais para que você possa delegar algumas atividades e se dedicar também à sua função como “dono do negócio”.

2.Aprenda a mediar conflitos

Em qualquer ambiente de trabalho, saber lidar com pessoas é fundamental. São muitas as diferenças existentes entre elas e que podem (e vão) gerar conflitos. Não será diferente em sua academia. Seja entre funcionários, professores ou alunos, o fato é que é preciso ter uma postura racional que possibilite direcionar essa energia do conflito para as tarefas e metas traçadas por você.

Ouça seus professores, funcionários e também alunos para tomar as melhores decisões sobre o caso. Saber dar e receber feedbacks faz parte desse processo e irão ajudar sua academia a resolver melhor os problemas que venham a existir.

3.Sempre comunique as metas estipuladas e os resultados alcançados

Trabalhar sem metas é praticamente impossível. Mas ter metas e não comunica-las pode ser tão ruim quanto. Sua equipe precisa saber exatamente o que se espera dela. E esse é o seu papel como gestor: comunicar e liderar. Não apenas dar ordens e esperar que elas sejam cumpridas, mas também munir seus professores das ferramentas necessárias para o alcance dos objetivos.

Além disso, crie na sua academia uma cultura de acompanhamento de resultados. Não espere um problema surgir para que você informe aos seus funcionários que eles estão errando. Forneça a todo o tempo informações e feedbacks sobre os resultados já alcançados até o momento. Isso servirá, inclusive, de fonte de motivação constante para eles.

Encontre academias em Salvador e demais cidades de todo o país!

4.Acompanhe as mudanças do mercado

O mercado fitness é extremamente dinâmico. A todo o momento surgem novas tendências, modalidades, equipamentos e técnicas de aulas diferentes. Para que sua academia continue sendo atrativa para seus alunos, é fundamental que você acompanhe (e até mesmo se antecipe) a essas mudanças.

Existem maneiras simples e baratas (algumas até mesmo gratuitas) para que você fique antenado e não deixe sua academia ficar defasada.

O Google oferece gratuitamente uma poderosa ferramenta de pesquisa de mercado: o Google Trends. Trata-se de uma ferramenta em que você consegue descobrir o que as pessoas estão procurando na internet em determinado período de tempo.

Por exemplo: você pode saber se as pessoas estão procurando por alguma modalidade (crossfit, por exemplo) em qualquer localidade do mundo e em determinado intervalo de tempo (o Google oferece dados de 2004 pra cá). Além disso, é possível fazer comparações entre vários termos buscados e também obter resultados de buscas que foram feitas no Youtube.

Essa ferramenta te possibilita saber em que época do ano determinada palavra é buscada na internet e quais os locais que mais procuram, permitindo que as ações de marketing digital, por exemplo, sejam mais assertivas.

5.Explore o mundo digital de maneira correta

Muitas academias limitam-se à criação de perfis em redes sociais e propagandas desconexas quando se fala em ações de marketing digital. O Instagram, por exemplo, está cheio de fotos e vídeos das aulas e dos alunos que a academia possui. Isso é muito legal, mas não é suficiente.

É preciso entender que qualquer ação realizada precisa ter como objetivo atrair novos alunos e/ou manter os atuais. Ou seja: sua academia precisa vender também online. Muitas já começaram a adotar essa prática e têm alcançado resultados promissores. Nossa plataforma Treino Fácil, por exemplo, já gerou mais de R$ 37 mil reais em vendas de planos para apenas uma única academia.

Portanto, comece a entender que se a sua academia não tiver presente (e vendendo!) no meio digital, em pouco tempo ela estará fora do mercado, pois as pessoas visitam as academias primeiramente na internet para depois conhecê-las presencialmente.

E então, gostou das nossas dicas? Deixe um comentário. Queremos te ouvir. Siga-nos também no Facebook e Instagram.