Governo Bolsonaro é um fracasso antes mesmo de começar

A contar pelos primeiros dias pós-eleição do Bolsonaro, seu governo será marcado por corrupção endêmica, por bandidos em cargos de poder, por vigilantismo e censura e por muita, mas muita hipocrisia.

Seleciono três singelos prints do Altino Machado pra ilustrar.

Primeiro, Bolsoanaro escolheu o líder da Bancada da Bala, Alberto Fraga, pra ser ministro. Fraga foi condenado por CORRUPÇÃO recentemente e, vejam só, indicá-lo ministro atrasaria ou pararia o processo em segunda instância, bem parecido com que os bolsominions criticavam que o PT tentava fazer quando Dilma nomeou Lula ministro. Mas Bolsonaro pode, certo?

No meio tempo temos uma deputada eleita por Santa Catarina que defende o “fim da doutrinação” nas escolhas… Curioso, ela defende só o fim daquilo que ela considera doutrinação e se opõe ideologicamente, porque ela doutrinando indo com camisa do Bolsonaro dar aula pode. Aí não é doutrinar.

Como sabemos que pro Bolsominion médio doutrinar em geral significa dizer que:
 — Escravidão existiu
 — 1964 foi ditadura militar
 — A terra não é plana.
 — Nazismo não é de esquerda

Mas não, camisa do Bolsonaro em sala de aula não pega nada, só não pode a do PT, do PSOL, enfim, daqueles vermelhos que o Bolsonaro disse que iria eliminar, metralhar…

Ah, e a mesma deputada, a liberal-conservadora-olavista que odeia o Estado, que defende meritocracia, contra políticas sociais vive numa casa que conseguiu com o… Minha Casa Minha Vida. Sim, aquele programa assistencialista absolutamente anti-meritocrático executado pela bolivariana e comunista a ser eliminada Dilma Rousseff!

Se com o PT era ruim e a hipocrisia era a regra, vamos ter que inventar novos nomes pras práticas bolsonaristas, porque antes mesmo de Bolsonaro assumir o poder já está ficando insustentável.


Atualização (18:00): Diversos sites de fake news tem divulgado que o convite do Bolsonaro pro Fraga ser ministro seria… fake news. Curioso como algo que está GRAVADO EM VÍDEO possa ser considerado falso. Bolsonaro voltou atrás no convite via twitter, é verdade, mas não tem nada de fake no convite feito.

E no STF, Gilmar Mendes e Alexandre Moraes defenderam a liberdade nas universidades. Taí algo que eu não esperava. Até a deputada lá do SC foi citada. Será que vamos ter que depender 4 anos do STF pro país não afundar?

E o MP pediu para que a deputada seja condenada e multada em 71 mil reais por ter criado um canal de denúncias a fim de promover censura e intimidar professores.

Contando que “bandido bom é bandido morto” como defendem os Bolsominions, como ficamos?