Jusbrasil Tech Day — 2 de setembro 2016

Bem-vindos ao Jusbrasil Tech Day! Oxe, não era Jusbrasil Tech Talks?

Sim sim, continua! Só que esse ano queremos celebrar os cinco anos de talks no Jus, são cinco anos de sextas-feiras recheadas de cultura, tecnologia e conhecimento compartilhado pela nação jusbrasileira. E nada melhor que comemorar com amigos, um dia inteiro juntos, aproximar pessoas da nossa rede e ouvir ícones que nos inspiram. Está lançado o Jusbrasil Tech Day, nosso primeiro evento de tecnologia aberto*.

Para quem ainda não conhece o Jusbrasil Tech Talks, vale à pena contar o que é e como surgiu um dos pilares mais fortes de nossa cultura. Foi em 2011, quando o Jusbrasil já contava com alguns gatos pingados, talvez umas 20 cabeças. Parece pouco, só que já era possível sentir o quanto informação, ou melhor, comunicação era importante.

Naquela época, não era possível ter uma visão geral sobre o que as pessoas estavam trabalhando e não era raro ter duas pessoas no mesmo problema, ou estudando a mesma tecnologia. Então, logo me lembrei como fazíamos durante o mestrado, quando toda sexta-feira nos reuníamos para apresentar o andamento da pesquisa para todo mundo do laboratório. Voilà! Vamos utilizar as manhãs de sextas-feiras para consolidar nossa cultura baseada em estudos e compartilhar conhecimento com toda equipe.

Esse "compartilhar" se tornou tão forte que, por ironia do destino, acabou sendo escolhido como símbolo-chave da nova logo dos talks. Pouco tempo depois, as palestras passaram para o turno da tarde, seguido por nosso happy hour (banda e cerveja), por isso chamávamos HappyDay, depois TEDs e, finalmente, Jusbrasil Tech Talks.

Chamada por e-mail do Happy Day
Happy Hour de Natal

Como resultado imediato, os membros do time passaram a ter uma visão mais ampla do todo, maior compreensão sobre os projetos e seu andamento, a incorporar novas tecnologias e trazer novas soluções. Ao longo desses cinco anos, mais de 400 temas distintos enriqueceram nossas tardes de sexta, dos mais variados gostos: novas tecnologias, pesquisa na academia, educação financeira, relatos da Índia, direito constitucional, aborto, teoria musical, etc. Bastava alguém distinto pisar em terras baianas que já estava convidado a falar nos talks e a fazer parte da nossa rede — professores de grandes universidades, empreendedores, engenheiros de grandes empresas (UFBA, UFMG, UFPE, Buscapé, Globo.com, Google, UOL, etc.). O modelo faz tanto sucesso que já passou a ser replicado em outras empresas do nosso círculo =D

Jusbrasil Tech Talks (casa nova)

Pronto, a história contada e o convite feito. Venham confraternizar conosco no dia 2 de setembro de 2016 o Jusbrasil Tech Day (programação abaixo).

*Nosso espaço é limitado a 70 pessoas e restam poucas vagas. Interessados mandem e-mail para techday@jusbrasil.com.br dizendo o porquê você merece participar. É grátis!


Programação

Convidamos amigos de todo Brasil para estar conosco. Será um mix de governo, academia, startup, agilidade e tecnologias de ponta. Vamos ver o que vai dar.

09h00 Café da Manhã
10h00 Perspectiva de CTI na Bahia — Roberto Pinho
10h30 A Indústria é de Marte e a Academia é de Vênus? — João Batista
11h00 Disruptive Business Models (O Futuro dos Negócios e os Negócios do Futuro) — Luiz Candreva
11h30 Análise de Performance 101 — Tarsis Azevedo
12h00 Almoço
14h00 Agilidade Organizacional — Rafael Miranda
14h30 Pare de criar código que rasga dinheiro — Henrique Bastos
15h00 JVM Internals — Otávio Santana
15h30 Relay & GraphQL — Rodriguinho
16h00 Beer-Break
16h30 Docker como super comandos — Gomex
17h00 Tsuru pra quem sabe tsuru — Andrews Medina
17h30 Mesos — Robson Peixoto
18h00 Happy Hour

UPDATE: Veja o resumão no evento no próximo post.

Palestrantes

Roberto Pinho

Roberto Pinho

Roberto Dantas de Pinho possui doutorado em Ciência da Computação e Matemática Computacional pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação — ICMC da Universidade de São Paulo — USP (2009), mestrado em Regulação da Indústria de Energia pela Universidade Salvador (2002) e graduação em Ciência da Computação pela mesma Universidade (1995). Foi membro fundador, diretor e presidente do conselho da Primus Soluções Integradas, segunda empresa júnior do Estado da Bahia e primeira com caráter multidisciplinar. Foi professor de disciplinas na graduação e pós-graduação. Realizou estágio de doutorando na Escola de Ciência da Informação e Tecnologia da Universidade de Drexel, EUA investigando a visualização de fronteiras da ciência a partir de fontes bibliográficas. Desenvolve pesquisa em Visualização Computacional e em bibliometria. É analista em ciência e tecnologia do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), no qual exerceu as funções de assessor técnico da Assessoria de Acompanhamento e Avaliação (ASCAV) e coordenador-geral substituto da Coordenação-Geral de Indicadores (CGIN). Entre 2010 e 2014 atuou como delegado brasileiro no grupo de especialistas nacionais em indicadores em ciência e tecnologia (National Experts on Science and Technology Indicators NESTI) da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), tendo desenvolvido projetos de pesquisa em cooperação com a instituição. Atualmente é Chefe de Gabinete da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado da Bahia.

João B. Rocha-Junior

João Batista

João B. Rocha-Junior is Professor at the Department of Exact Sciences at the State University of Feira de Santana (UEFS). He received his M.Sc. in Computer Science from the Federal University of Pernambuco (UFPE) in 2002. The M.Sc. was about the Architecture for Radix (a famous Brazilian search engine at that time). In 2012, he received the Ph.D. in Computer and Information Science from the Norwegian University of Science and Technology (NTNU). The Ph.D. thesis was about the Efficient Processing of Preference queries in Spatial and Distributed Databases. Today, Rocha-Junior is Professor in the Undergraduate Course of Computer Engineering at UEFS (EComp) and permanent member of the Graduate Program in Applied Computing (PGCA) and Multi-institutional program in Computer Science (PMCC), advising Undergraduate, M.Sc. and Ph.D. students. He is also Program Chair of some conferences on Databases such as Brazilian Symposium on Databases (SBBD 2012, SBBD 2013) and International Asia-Pacific Web Conference (APWeb 2013, ApWeb 2014), and reviewer of important journals such as The VLDB Journal, Journal of Computer Science and Technology (JCST), IEEE Transactions on Knowledge and Data Engineering (TKDE), International Journal of Communication Systems, IEEE Transactions on Services Computing (TSC), World Wide Web Journal (WWWJ) and GeoInformatica. He has publications in important conferences such as VLDB, EDBT and SSTD. His research interests include spatial keyword query processing, efficient processing of preference queries, distributed query processing, Spatial Databases, and Information Retrieval.

Luiz Candreva

Luiz Candreva

Luiz Candreva é advogado de formação, e empreendedor por natureza. MBA com major em marketing e inovação pela ESPM-SP. MBA em Gestão de Negócios internacionais pela Florida International University. Foi executivo de consultorias e empresas multinacionais, como WTC e Apple, nas áreas de desenvolvimento de negócios e marketing. Migrou para sua verdadeira paixão, empreender, no final de 2011, quando fundou a CoLab, agência de marketing e ferramentas digitais, focada em startups, da qual foi CEO até meados de 2014, atendendo, nesse período, mais de 140 startups, além de clientes de grande porte, como Wal-Mart, Spring Carrier, Sony entre outros. Hoje é CEO e Fundador do ezPark, plataforma multinacional focada em facilitar e melhorar a interação das pessoas com estacionamentos de qualquer tipo, especialmente através de sharing economy. Dedica o restante do seu tempo a lecionar marketing digital, inovação e Lean Startup, em Universidades e empresas no Brasil e no EUA, além de ser mentor e palestrante de programas empresariais (Shell, Samsung e Telefônica) e de aceleradoras, eventos, e iniciativas governamentais, todos voltados à Startups e inovação tecnológica.

Tarsis Azevedo

Tarsis Azevedo

Tarsis é programador na globo.com e trabalha em vários projetos open source, principalmente na area de cloud computing. Começou com python durante a faculdade e foi amor a primeira vista. Hoje trabalha principalmente com Go mas continua apaixonado por python.

Rafael Gomes

Rafael Gomes

Rafael Gomes (Gomex) é soteropolitano, hacker urbano e consultor de infraestrutura, formado na Universidade de Salvador no curso de Gestão de Redes.

Escritor do livro “Docker para desenvolvedores” : https://leanpub.com/dockerparadesenvolvedores 
Trabalho atualmente como consultor na Thoughtworks, focado em infraestrutura como código, cultura devops e cloud. Certificado em LPIC-1, MCSO e Zabbix Certified Specialist.

Henrique Bastos

Henrique Bastos

Um empreendedor dedicado a aplicar tecnologias como alavancas para autonomia.

Rafael Miranda

Rafael Miranda

Com mais de 16 anos de experiência em TI, hoje é sócio na HE:labs, um estúdio focado na criação de produtos digitais sob-medida, com mais de 60 pessoas 100% remotas. Formado em Ciência da Computação, cursou mestrado em Mecatrônica com foco em Sistemas Distribuídos na Universidade Federal da Bahia. Atuou tanto na iniciativa privada quanto no serviço público, sendo responsável por projetos estruturadores de grande porte envolvendo times distribuídos e multi-disciplinares. É palestrante, consultor e na HE:labs atua como “Designer Organizacional”, nutrindo a cultura da empresa por meio de soluções descentralizadas de gestão.

Rodrigo Ribeiro

Rodrigo Ribeiro

Desenvolvedor na Jusbrasil há 4 anos, passando por inúmeros projetos (frontend e backend), é facilmente motivado por desafios de performance e escalabilidade. Recentemente ajudou na formação da nova arquitetura frontend do site, com foco em React e GraphQL.

Otávio Santana

Otávio Santana

Um desenvolvedor apaixonado pelo que faz: JUG Leader, Java Champion, Expert Group em diversas especificações Java, membro executivo do JCP, JCP Outstanding Award, Duke’s Choice Award, committer da Apache, palestrante em diversos eventos ao redor do mundo além de escrever artigos e livros no tempo restante.

Andrews Medina

Andrews Medina

Andrews Medina é desenvolvedor, entusiasta de open source, cloud computing e profeta nas horas vagas. É desenvolvedor na globo.com e atualmente trabalha no tsuru (tsuru.io) um PaaS opensource.

Robson Peixoto

Robson Peixoto

Desenvolvedor há mais de 7 anos, já trabalhou com vários tipos de projetos que foi do assembly ao frontend.
Na Jusbrasil, nesses 3 anos, trabalhou no time de crawler e infra-estrutura, sendo um dos responsáveis por montar o cluster de Mesos.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.