Desejo não voltar

Não há palavras que descrevam

Que deem nome à você

Ao meu ouvido eles sussurram

Mas estou envolto numa melodia doce


Ao longe se ouve um barulho

Ao longe se encontram lembranças

Aqui, vejo estrelas cintilantes no escuro

Onde estou se cultiva esperança


Eu vejo os carros cortando o silêncio

A garoa beija minha pele, me gela

A cada brisa uma sensação nova que vivencio

Vejo perfeitamente a energia aqui, Nela


Meu nome não é Alice

Mas com certeza estou no país das maravilhas

Meu dilema não se encontra na entrada, não

Ele me espreita em direção à saída

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.