Ouricuri Caiçara

Descobri nesses 5 dias longe de telefone, internet e confortos a importância de valorizar as coisas pequenas da nossa vida. Em algum momento eu estava dormindo fora da barraca, no mato, na chuva, cansado e ainda sim gostando muito, apenas do simples fato de poder estar deitado. Descobri também o quanto o ser humano pode ser generoso e que não existem limites para sua bondade. Descobri que quando não temos cuidado somos congelados e reféns dos nossos medos. Que sua mente controla seu corpo e não ao contrário. Que quando uma amizade é iniciada na “dor” a relação se torna tão intima quanto uma relação de anos. Que você só não conhece seus limites como não tem noção de até onde você pode chegar. Que nos momentos de dor é melhor pensar positivo e olhar o lado bom do que chorar e reclamar. Que a vitimização e a auto sabotagem são apenas desculpas para você não tomar uma atitude, e continuar onde está para o resto da vida. Que você pode ficar doente andando com pessoas doentes e você pode ficar bem andando com quem planta o bem.

Lembro-me em uma das noites ver a lua como jamais tinha visto em toda minha vida, essa será apenas uma dentro das milhares de boas recordações que tenho em mente.

Tive um problema no joelho no segundo dia de caminhada, soube que rolou até aposta sobre minha desistência… kkkk.. com ajuda de um cajado e com pensamento sempre positivo eu completei todo o percurso, sempre de bom humor e brincando com tudo e todos.

Bom, isso foi um pouquinho do que rolou, foram 5 dias, 150 km passando por lugares lindos, todo o litoral norte de Alagoas, passando por algumas das maiores belezas do estado. Nós alagoanos moramos em um paraíso, pena que poucos desfrutam.

Isso é Ouricuri, isso é ser um Caiçara.
‪#‎equipetinga‬ ‪#‎aleijado‬ ‪#‎força‬ ‪#‎dor‬ ‪#‎motivação‬ ‪#‎nuncadesistir‬

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Valdenio Freitas’s story.