Nem li e nem vou ler.
Somos Childfree
77

Se vc nao leu o texto nao pode comentar, uma vez que nao sabe do se trata. Ja atravessei o Atlantico algumas vezes e mesmo na época em que nao tinha filhos (e nem queria te-los), os adultos me incomodaram muito mais do que as crianças. Uma vez um bebeu além da conta e nao parava de mexer com a passageira ao seu lado, em outra ocasiao um roncava absurdamente alto duas ou tres fileiras atras da minha, em outro voo a pessoa ao meu lado ia toda hora ao banheiro e me acordava pedindo passagem, ja viajei com marmanjo atras empurrando meu assento com os joelhos ou caindo babando pra cima de mim. As crianças, por sua vez, muitas vezes choravam por algum tempo e depois dormiam o restante da viagem. Quem prega odio a crianças tem algum problema sério na mente, no coraçao, na alma.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.