Cortei

Cortei meu cabelo.

“Que irrelevante”, é o que você provavelmente está pensando agora.

Mas veja, isso tem um significado enorme. Cortei meu cabelo e ganhei liberdade. Não fiz isso pensando em ninguém, só no desejo louco que eu tinha de cortá-lo.

Não me preocupei com meus pais, que odiaram a ideia já que “mulher tem que ter cabelo grande”, “você fica muito mais bonita assim”.

Não me preocupei com namorado nenhum ameaçando terminar caso eu cortasse (tem cabimento isso?).

Não me preocupei com as amigas olhando feio ou dizendo coisas como: “nooooossa, como cê teve coragem?”, “vai ficar feio, hein?”.

Não me preocupei com as tias dizendo: “homem não gosta de cabelo curto, e cê não dura com ninguém, imagina agora?”.

E sabe de uma coisa? Foi ótimo não me preocupar com nada disso. Cortei meu cabelo e tá todo mundo perguntando o porque desse sorriso de canto a canto no meu rosto.

Cortei o cabelo.

Cortei a vergonha.

Soltei o sorriso!

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Vanessa Lins’s story.