O que devo considerar ou saber ao pilotar uma motocicleta?

Gostaria começar dizendo que você vai cair. Inevitavelmente, você vai cair. Aceita que dói menos no ego, na pele dói de qualquer jeito. Sua vida em cima da moto não vale um real e olha que o real já não tá valendo nada.

Quando cair, você vai ter muita, muita sorte se não se machucar feio, e quando digo feio estou falando em quebrar/trincar algum osso, torcer algum braço ou perna, queimar a pele no asfalto ou precisar de alguns pontinhos por conta de algum corte. Pra melhorar suas chances contra o chão, utilize a porra do equipamento de segurança e aprenda a pilotar sua moto direito.

Pilotar direito pra mim é aprender todo dia. Aprender a ouvir tudo que a moto te diz enquanto está funcionando. Aprender tudo o que puder de manutenção pra não ter nenhuma surpresa como corrente pulando fora, pneu murcho, pastilha gasta, motor batendo e outras infinitas possíveis merdas, diferente de carro, moto sempre dá merda se não cuidar. Aprender a fazer curva. Aprender a acelerar direito. Aprender que as ruas e rodovias do Brasil são cheias de crateras, e se você não estiver preparado pra passar ou desviar de um buraco, você vai cair. Aprender que com chuva você reduz velocidade e tem que prestar atenção na troca de marchas e condições do pneu.

Aprender coisa mais caralho, mas o mais importante é isso aqui:

Aprender que toda jaula (carro) quer te matar. Todos os carros querem te matar. Todos eles. Todos.

Pra ficar vivo, você tem que assumir que todo animal da jaula não te viu e está apenas esperando você resolver ultrapassar pra eles trocarem de pista sem olhar e muito provavelmente acabar com o seu dia ou vida.

Preparei uma lista de algumas coisas que aprendi nesses 2 pequenos anos pilotando e estudando motociclismo diariamente. São 15 dicas gerais, mas vou continuar publicando relatos e dicas de pessoas mais experientes pra que você possa decidir se compra uma moto ou se continua de busão/metro/jaula. Moto é só pra quem quer assumir o risco de chegar em casa ou no trabalho até 5x mais rápido do que de transporte público.

Segue uma lista de 15 itens, que provavelmente vão chegar a 15.000 em breve. Leve essas coisas em consideração ao pilotar!(comentário original aqui no Quora)

  1. Dirigir uma moto é MUITO mais complicado que dirigir uma jaula. Praticamente todas as motos tem transmissão manual, ou seja você precisa passar marcha pra cacete. Não basta virar o guidão pra fazer curvas (técnica conhecida como: contra esterço/counter-steering) mas também precisa se inclinar em todas as curvas, e pra isso é preciso uma boa coordenação motora e sincronização entre visão e mãos. Muito diferente de uma jaula, onde você simplesmente opera os controles. Na moto você precisa controlar todo o seu corpo enquanto pilota, o tempo todo.
  2. É perigoso. Você não está protegido e não posso reforçar isso o suficiente. Tem algumas pessoas que só andam com todo o equipamento de segurança, que inclui capacete fechado, luva de anti abrasão, jaqueta e calça de couro ou similar e botas. Confesso que não tenho a mesma disciplina e no dia a dia não uso jaqueta. Fez falta, viu?
  3. É indescritível. É um clichézão do início ao fim. Não é possível descrever a sensação de estar no controle de uma motocicleta potente. É viciante e foda.
  4. Motos tem uma perfomance similar a de carros de luxo, com um preço muito menor. Por exemplo, você pode pegar uma R1 ou SRAD 1000 por menos de R$ 30.000 — a perfomance dela pode ser comparada a de uma Ferrari na maioria dos aspectos. Uma Kawasaki Ninja 300 consegue por a 199 km/h e custa apenas R$ 14.000. Nenhum carro popular faz isso. Isto é excitante & principalmente perigoso.
  5. A maioria dos acidentes de moto (até 84% segundo o autor do Proficient Motorcycling) acontecem por que as pessoas pilotam bêbadas ou drogadas, não têm total controle da moto, não fazem a manutenção devida, pilotam cansadas, sem experiência e com excesso de confiança. Acidentes inevitáveis respondem por apenas 16% do total. O que isso quer dizer? Quer dizer que ninguém sabe pilotar essas porcarias direito, então o melhor que você pode fazer é treinar treinar treinar e contar com um pouco de sorte pra não tomar uma fechada ou cair em algum buraco ou óleo na pista. Não pilote igual um teletubbies. Acidentes geralmente são causados por falhas do piloto. Ele geralmente corre mais do que tem habilidade ou corre mais do que a moto aguenta e se assusta, aperta os freios com força e poft. Não tem desenrolo, é chão.
  6. Pistas molhadas são muito perigosas, principalmente logo assim que a chuva começa e o óleo de centenas de carros ainda não escorreu. Freiar a moto nessas condições ou acelerar rápido de mais pode fazer a moto patinar, e adivinha só? Chão chão chão.
  7. Existe uma grande variedade de tipos de moto, cada uma com um propósito em mente. Fica tranquilo, porque até decidir o que é o melhor pra você pode demorar um bom tempo. Muita gente comete o erro de comprar uma moto maior ou mais potente do que precisa, ou aguenta.
  8. De forma geral (segundo o Consumer Reports americano), motos japonesas são as mais confiáveis e com menor custo de manutenção, aqui no brasil as maiores são a Honda,Yamaha,Kawasaki. Motos americanas são confiáveis, mas tem o custo elevadíssimo, falo com experiência pois os preços cobrados por peças "bobas" da Harley Davidson aqui no Brasil são de cair o cu da bunda. Ainda segundo o Consumer Reports, as menos confiáveis são as européias, em especial BMW's.
  9. Pra moto fazer curva existem duas técnicas: Pêndulo e Contra Esterço (counter steering). Cada tipo de moto exige diferente grau de utilização das duas. Pêndulo: Sabe o motoGP? Os caras tirando a bunda da moto pra fazer curva deitado? É o movimento do pêndulo. O pêndulo consiste em mudar o centro de gravidade da moto, fazendo ela girar em torno de você. Normalmente quem faz isso é piloto de moto esportiva, mais pela adrenalina do que por necessidade (dentro das cidades). Dou uma dica, só tentem fazer essa merda se estiverem preparados pra cair . Vejam muitos vídeos do youtube antes de tentar isso nas ruas. Seu couro agradece e seu bolso também. — Tem também o Contra Esterço: Esse é fácil, depois de uns 40km/h você precisa virar o guidão pro lado oposto da curva. A direção fica invertida. Eu sei, não faz o menor sentido lendo sobre isso, mas andando é assim que funciona. Quer fazer curva pra direita? Vira o guidão pra esquerda. Recomendo youtube pra entender como funciona melhor.
  10. Se você nunca pilotou, recomendo ir pra moto escola ou comprar uma moto de 150cc. Quando (sim, quando) você cair com ela, o conserto é muito barato e a velocidade provavelmente é muito baixa. Se pegar uma com embreagem e aprender a pilotar nela, todas as outras são iguais, o que muda é praticamente o torque. Melhor cair, aliás, é menos pior cair numa 150cc do que numa 600 ou uma 250/300 com carenagem. Seu bolso agradece.
  11. Quando você dirige uma moto, várias pessoas aleatórias vem falar com você quando você para. Principalmente outros motociclistas ou pessoas que gostariam de andar mas não tem coragem. Pude perceber que quanto maior sua moto, maior a chance de alguém conversar dela. É um fenômeno social interessante. É bem divertido também, já conheci muita gente assim!
  12. Tem um ditado gringo que diz "Loud Pipes Saves Lifes" — Escapamentos Barulhentos Salvam Vidas. Apesar da polêmica em torno de escapamentos barulhentos, eles realmente salvam vidas. O nível de atenção ou respeito dos motoristas de jaulas em relação a motos mais imponentes e barulhentas é muito maior. Não to aqui pra falar se isso é certo ou errado, mas escapamentos altos acordam os enjaulados e eles fazem menos merda, mas ainda fazem.
  13. Motos são fascinantes e perigosas também. Esses são os dois lados da moeda — todo mundo sabe do perigo, mas a liberdade e a diversão fazem valer a pena. Só não abraçar o chão, um carro ou guardrail que tá tudo bem.
  14. Motos precisam de MUITO MAIS CUIDADOS QUE CARROS. Por conta da mecânica mais simples e das peças expostas, você tem que ficar de olho nas condições das peças. Um exemplo de peça que gasta muito e é extremamente importante são os pneus, pois são feitos de material mais mole pra melhorar a aderência e também pois se utiliza muito a superfície do pneu ao fazer curvas. Andar com pneu careca é suicídio. Remold então, nem pensar. Diferente de andar em uma jaula, o recomendado é dar uma "olhadinha" na moto TODA VEZ antes de sair.
  15. TODOS OS CARROS QUEREM TE MATAR. Nunca é demais reforçar isso.

Dicas bonûs:

  • Não use o freio enquanto faz curva, a moto automaticamente fica em pé e você passa reto — "Trail Braking";
  • Freie 75% da força no freio dianteiro, utilize freio motor SEMPRE;
  • Não segure a embreagem enquanto pilota, só use a embreagem pra controlar a moto caso esteja andando igual v1d4l0k4 no corredor;
  • Buzine a vontade;
  • Não espere que veículos liguem a seta antes de jogar o carro e te matar, fique de olho na direção da roda deles. Obrigado Mike Terrorista. Chama que é nois;
  • Se estiver confiante, treine o "Rev Matching". Subir o giro e descer a marcha sem travar a roda com o freio motor;
  • Compre motos com ABS;
  • Equipamento de segurança é caro pra caralho. Caro mesmo. Compre ao menos um bom capacete e luva pra começar.

Vou continuar postando mais dicas e relatos durante a semana. Informação pra pilotar melhor nunca é demais.

Abs!