Se tu pudesse apertar o botão, tu apertaria?
Aquele botão dentro da caixa de vidro, guardado por duas chaves
Que dispara uma série de objetos
Que voam em velocidades impressionantes
Que descem com uma precisão cirúrgica
Que desmontam prédios
Que acabam com uma série de fatores biológicos
O mais impressionante deles sendo a vida

Enquanto muitos dizem sim
Os que dizem não
Balançam suas cabeças
Pois de nada adianta a conjectura
Quando o botão não está nas nossas mãos

Mas e se eu te disser que temos botões
Temos diversos gatilhos
Não do tipo físico
Que lança metal e morte e pontos finais
Mas do tipo abstrato
Mais difícil de perceber
O gatilho ta escondido
Não deixa de estar dentro de uma caixa de vidro
Ta implícito em cada escolha
No ajudar o que pode ou não ajudar de forma alguma
Tem um botão em cada esquina
Esperando ser apertado
Pra acabar com a vida de quem o abriga

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.