Poeira cósmica

Mentes orquestradas é o que mais vejo

Será que geral se engana ou é só medo?

Tento buscar uma solução pra agonia no meu peito

Nunca me encaixei e se encaixar não é uma opção

Nesses vãos desleais que o mundo me convida a entrar

Minha mente anda falha, fecho os olhos para a concentração

Busco a sabedoria, só ela me interessa

Que vida medíocre a de aprender só o que as lousas dizem

Graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado

E nem um puto de essência nas mãos

Já fui desses que queria vencer na vida

Vencer o que? Vencer quem?

Meus pensamentos se perdem entre os meus anseios, mas minh'alma não

Esse papo tosco de que a vida é uma competição não me seduz mais

A conversa é interna, sua mente vai se mostrar perversa

Ter medo da própria sombra é necessário

Quem você tem se tornado é só o começo da conversa

Estamos nesse plano para criar raízes

Cabe à nós deixar de lado a soberba e aceitarmos a ideia de que somos eternos aprendizes

Cê é rastro de poeira cósmica e insiste em dizer que tudo tem que girar na tua órbita

Não se limite ao material, abra sua percepção

Esse seu ego encravado, um dia vai arder

Viver uma vida sã é questão de obstinação

A linguagem da vida não se define por idioma

Um dia ela sussurra teu ouvido e acorda desse seu coma

E ao despertar, tu vai ver que o sentido dessa porra toda é amar!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.