Você em mim

Por que eu deixei você entrar tão fundo em mim? Você me mudou, me fez melhor, mas a custo de que? Pequenas coisinhas que você deixou em mim, hábitos, frases, músicas, pedaços de você que fazem parte de mim e não os quero mais, mas dói tiralos, doi esquece nossas conversas, doi apagar nossos prints e aquelas música. Você construiu outro eu, que agora está desmoronando por dentro. O mesmo rosto no qual eu sentia alegria e paz ao ver, agora me faz sintir dor. E vou sentir todos os dias, quando te ver, ouvir sua voz, ouvir seu nome, ou sentir sua presença. Você é agora, mais um pedacinho morto do meu coração que carrego comigo.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.