Cansaço

Tem vezes que a gente cansa. A gente cansa de acreditar. A gente cansa de, por mais que a nossa própria luz guie suficientemente bem, iluminarmos sozinhos. Cansamos também de botar fé naquilo que não bota fé em nós. Cansamos de sorrir, e de fingir que não nos importamos. Mas ainda bem, é que em horas como essas, nós nos lembramos que cansamos do conformismo. Cansamos de deixar tudo como está, e arranjamos motivação para seguir, de uma vez por todas, em frente. Cansamos de nos depositar em outros lugares, pessoas e oportunidades, e lembramos que o melhor depósito de nós mesmos, é nada mais, nada menos do que em nós mesmos. Que a tristeza e o cansaço possam tornar-se para nós sempre, força motriz.

Like what you read? Give Vitória Kos Orsi a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.