Pesquisa revela: o uso de Redes Sociais traz benefícios à 3ª idade

Segundo o estudo, as conexões podem melhorar a saúde e bem-estar

Um estudo realizado pela Universidade de Exeter, no Reino Unido, descobriu que estar conectado com as Redes Sociais estimula a capacidade cognitiva, aumenta a sensação de autocompetência e ainda melhora a saúde mental e o bem-estar da terceira idade.

A pesquisa foi feita com 76 idosos com idades entre 60 a 95 anos. Durante o estudo todos os participantes tiveram acesso a um computador, mas apenas parte deles recebeu orientações de como usar o aplicativo Skype, os caminhos para criar um email ou pesquisar na internet, entre outros.

Segundo os pesquisadores, o grupo que aprendeu a utilizar estas ferramentas e interagir nas Redes Sociais demonstrou um envelhecimento mais ativo e menor tendência ao isolamento. Estes participantes disseram que se sentiram capazes e animados para se envolver em atividades sociais. Por outro lado, aqueles que não tiveram meios para acessar as Redes Sociais se sentiram mais isolados e solitários, e tornaram-se mais suscetíveis às doenças.

Diante deste resultado os estudiosos concluíram que o uso das Redes Sociais na terceira idade ajuda a estabelecer conexões e é uma ferramenta importante tanto para a manutenção da capacidade física, quanto para a a cognitiva, que envolve memória e raciocínio. Para os cientistas, a tecnologia pode oferecer benefícios para a saúde e bem-estar do idoso. E você, concorda?

Para saber mais da pesquisa, acesse: http://www.exeter.ac.uk/news/research/title_426286_en.html