Sempre é tempo de se apaixonar

Conheça a história emocionante de Nely e Manoel, que descobriram na terceira idade o significado do verdadeiro amor!

A história deles daria um bom romance, daqueles de arrepiar. Tudo começou há cerca de 10 anos, quando Nely, solteira e com 52, ainda morava em Caruaru (PE), e era funcionária do departamento jurídico de uma empresa. “Naquela época eu trabalhava demais, não tinha tempo para conhecer pessoas, e por isso, qualquer tempinho que sobrasse, eu entrava na sala de bate-papo. Foi ali que conheci o Bebê — é assim que ela chama Manoel — e logo nasceu uma grande amizade. Conversávamos durante um tempão, não nos faltava assunto”, conta. Assim foi o relacionamento, até que de repente, ele desapareceu.

Já o paulistano Manoel, com 65 anos na época, era um homem casado, com três filhas para criar, vivia de casa para o trabalho, do trabalho pra casa. “Fiquei casado durante 46 anos, sempre fui um bom marido. Quando minha esposa ficou doente, só cuidava dela e não tinha tempo de entrar na sala de bate papo. Foi assim durante o tempo em que fiquei sumido”, conta. Mas depois que ficou viúvo, ele retomou o contato com Nely, e não queria perder mais tempo. “Ele logo me convidou para ir a São Paulo, e eu me empolguei com a ideia. Esperei três meses para me aposentar, fiz minhas malas e embarquei. Chegando ao aeroporto, lá estava Manoel, com um buquê de flores na mão, me esperando. Nunca vou me esquecer. Nesta visita conheci suas filhas, passeamos bastante. E alguns meses depois, foi a vez de Manoel ir à Caruaru, para conhecer a minha família”, lembra.

Juntos há sete anos, eles se consideram almas gêmeas. “Parece uma relação de outra vida, sabe? Fomos feitos um para o outro”, diz Manoel. Animados, eles adoram aprender coisas novas e conhecer pessoas. Foi por isso que conheceram as aulas de violão do IVM, que frequentam há dois anos. E assim, Manoel já pode demonstrar sua paixão de outra forma: tocando “Como é grande o meu amor por você”, de Roberto Carlos, a música preferida de sua querida companheira.

O Itaú Viver Mais acredita que fazer atividades físicas pode transformar a vida das pessoas, por isso investe em ações voltadas para ginásticas, caminhadas entre outras. Quer participar? Acesse:facebook.com/itauvivermais ou itau.com.br/vivermais

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Itaú Viver Mais’s story.