Deus em nosso trabalho — Provérbios 258

Provérbios 22:24–25 — Não se associe com quem vive de mau humor, nem ande em companhia de quem facilmente se ira; do contrário você acabará imitando essa conduta e cairá em armadilha mortal.

Desde jovem de certa forma exerço o papel de liderança, mas infelizmente demorei muito tempo para perceber o quanto minhas atitudes e meu humor impactavam e ditavam as pessoas e seu estado.

Quando chegava na empresa radiante, feliz e calmo, o clima ficava ótimo, a maioria desfrutava destes sentimentos e inclusive conseguia agir naqueles que estavam tristes ou nervosos. Em contra partida, nos dias que chegava irritado e agitado, o clima ficava tenso e horrível.

Infelizmente ainda não me vejo livre desta má conduta, mas luto diariamente com isso, pois sei desta influência e tendo exercê-la de forma positiva.

Talvez por causa disto, tenha perdido bons profissionais e principalmente, entristecido, irado e até magoado tantos outros com esta postura negativa. Também, muitos de meus comandados agindo da mesma forma, por semelhança ou referência a minha postura, podem ter causado o mesmo com outras pessoas.

Este tipo de atitude além de ser totalmente contrária a vontade e justiça de Deus, só atrai coisa ruim de volta. Afinal cultivamos inimizades e sentimentos de vingança daqueles que se sentem atingidos.

Outro fator importante é que quando vivemos com pessoas que agem desta forma, temos enorme chance de praticar estes atos. Assim devemos julgar tanto a forma que agimos para não contaminar os outros, como também observar com quem nos relacionamos para não sermos contaminados.

E para que possamos ter o senso e julgamento correto devemos procurar a Deus, para que através da capacitação do Espirito Santo, possamos nos espelhar em nosso Senhor Jesus, com toda calma, mansidão, longanimidade e amor ao próximo, impactando as pessoas de forma positiva e praticando o verdadeiro evangelho com as nossas ações.