Deus em nosso trabalho— Provérbios 6

Provérbios 1:20–24 — A sabedoria clama em alta voz nas ruas, ergue a voz nas praças públicas, nas esquinas mais barulhentas ela clama, nas portas da cidade faz seu discurso: Até quando vocês inexperientes, irão contentar-se com a sua inexperiência? Vocês, zombadores, até quando terão prazer na zombaria? E vocês, tolos, até quando desprezarão o conhecimento? Se acatares a minha repreensão, eu darei a vocês um espírito de sabedoria e revelarei a vocês os meus pensamentos. Vocês, porém, rejeitaram o meu convite, ninguém se importou quando estendi a mão!

O estudo correto traz o conhecimento, que sendo praticado transforma-se em sabedoria. Deus ao longo da história, possibilitou que pudéssemos obter este conhecimento através da sua palavra e da ação do Espirito Santo, nos capacitando para praticá-los e obtermos a sabedoria.

Mas as grandes questões são:

Buscamos estas instruções afim de obtermos conhecimento?

Temos a ação do Espirito Santo para aplicarmos este conhecimento, nos tornando sábios?

Chamo atenção mais uma vez sobre a importância de entendermos a extensão da Bíblia como a palavra de Deus, nos deixada para ensino, repreensão, correção e educação na justiça conforme a santidade de Deus, para que sejamos capacitados para toda e qualquer atividade de pratiquemos e não um livro religioso a ser utilizado nas igrejas aos domingos, ou para ajuda e conforto em um dia difícil.

Outro ponto é a necessidade de um relacionamento íntimo com nosso senhor Jesus Cristo, entendendo que só Ele é o caminho, para que possamos ser habitados por seu Santo Espirito e possamos utilizar o conhecimento correto e obter sabedoria.

Assim devemos nos atentar a que conhecimento estamos buscando e como estamos praticando-os, nos relacionando com Deus e pedindo toda a orientação que só Ele pode nos dar, para que não sejamos como os inexperientes, zombadores e tolos que rejeitaram este convite sublime.