Conheça o Microsoft Azure Scheduler

Olá, as vezes nos deparamos com alguns serviços que são uma mão na roda e que literalmente salvam o dia, neste artigo pretendo de apresentar o Azure Scheduler que é um recurso “salva vidas” do Microsoft Azure. Vamos lá?

O que é Azure Scheduler?

Azure Scheduler é um serviço baseado em Nuvem que permite o agendamento de processos, (momento e/ou continuo), é capaz de executar ações planejadas, como por exemplo o envio de mensagens em fila de armazenamento ou execução de tarefas recorrentes. Essas tarefas agendadas podem estar relacionadas com os serviços do Microsoft Azure ou (e ai que a coisa fica interessante) externos a ele.

Quais são as características do Azure Scheduler?

O Azure Scheduler se caracteriza e pode ser utilizado da seguinte forma:

  • Serviço de Agendamento confiável: O Azure Scheduler fornece um serviço de agendamento confiável e ininterrupto, uma vez que continua a trabalhar mesmo que não haja problema com a rede ou uma avaria no servidor. Ele é executado no momento para o qual foi programado e em caso de falha, pode mudar automaticamente para um endpoint alternativo na mesma região.
  • Criar trabalhos ou processos agendas: Você pode criar e agendar trabalhos recorrentes que são executados na plataforma do Azure ou fora dele.
  • Manutenção programada: O Azure Scheduler fornece mecanismo simples para manter a saúde dos sistemas por periodicamente a limpeza de registros, passando por backups de rotina e outras tarefas de aplicação / serviço / servidor de manutenção / banco de dados.

A grande vantagem do Azure Scheduler!

Alem de acessível via o portal, todos os recursos do Azur Scheduler, podem ser acessados via API e programados, o que nos permite criar, atualizar, excluir, visualizar e gerenciar tarefas e coleções de jobs de forma programática, usando scripts.

Ter controle total poder criar jobs sob demanda, com a possibilidade de utilizar recursos disponíveis fora do Azure torna o Scheduler um serviço que é uma mão na roda.

Para mais informações

Algo mais? Deixe suas dúvidas nos comentários ou colabore com a sua critica.

Forte Abraço!