Em busca de algo inexplicável

Olá me chamo William, e hoje vou tentar me expressar com algo que vem me atormentando tanto, que resolvi transforma-lo em texto. Talvez isso não aconteça só comigo, mas também com alguém que possa estar lendo este texto, e talvez possa me ajudar a encontrar uma forma de acharmos aquela luz no fim do túnel.

Pois bem, me formei em Análise e Desenvolvimento de Sistemas pela Una de BH, e desde então venho trabalhando como desenvolvedor de software, especificamente PHP. Mas como sou bastante curioso sempre vou me aventurando em diversas areas do ramo, como front-end, trabalhando com um html maroto, aprendendo as semânticas e técnicas do HTML 5, dando um pequeno vexame no CSS3, aprendendo um framework javascript, e também as vezes tenho a loucura em brincar um pouco com mobile nativo, mas especificamente Android. Enfim sempre tento me atualizar com tudo que vem havendo durante esse tempo na área, até porque é um ramo muito concorrido e você sempre tem que estar disposto a enfrentar diversos tipos de problemas, em diversos ecossistemas diferentes.

Mas desde então, após eu me formar veio em minha mente. “o que eu quero de verdade? Qual é o projeto de vida profissional que eu pretendo seguir? Poxa já me formei e amo o que eu faço, so que eu não sei se o que eu faço é o que eu quero de verdade. deu pra entender ? kkkkk.. Acho que não, vou tentar explicar.

Mesmo estudando bastante e procurando ser melhor naquilo que faço, eu penso que estou parado no mundo e que ainda não encontrei algo que me satisfaz de verdade. Eu sei, com que eu trabalho é algo maravilhoso e muito instigante, mas eu ainda não encontrei aquela paz no coração e aquela sensação de “há era isso que eu sempre quis..!”. As vezes penso de nunca encontrar e morrer sem sentir essa sensação. E pra falar a verdade salário é bom, ótimo e maravilhoso, mas não se compara a fazer algo que lhe da vontade de sair da cama e ir fazer por prazer. Porque sejamos sinceros, se tiver alguma coisa no mundo que te faça levantar da cama pela manhã e você ter aquela vontade danada de começar a fazer ou resolver essa determinada “coisa”, pode ter certeza que vale muito, mais muito a pena.

Enfim, eu estou ainda a procura disso, algo que me dê vontade de verdade em fazer. Não o que eu faça hoje seja horrível, nada disso. Muito pelo contrario, trabalho com muita garra e determinação, mas no fundo sei que ainda não encontrei aquela “água” para saciar a minha sede.