Grite

Se arrependa do que não fez.

Assim, tonto. Sem saber pra onde vai.
Cada brisa de tarde, trás o pensamento liberal.

Hoje eu te vi com palavras perdidas na garganta.
Queria me falar, 
mas não se achava.

Escuta Cícero!
 — Eu nem vi você chegar.

Olhou nos meus olhos,
entendi o que você quis dizer… Gritei por dentro:
Você não diiiiiiiiiz!!!

Eu vou pra não voltar.
Ai você vai gritar.
Vou fazer tu soltar, todos esses balões de palavras.

— Não vai! Assim eu choro.