Um resumo sobre o 17º Encontro Locaweb

O ano de 2015 começou, e a comunidade está a todo vapor. Vários meetups e encontros começam a acontecer. Hoje (06/03), aconteceu o 17º Encontro Locaweb de Profissionais de Internet, em Belo Horizonte. Eu sempre tenho o hábito de quando compareço a um evento, realizar anotações sobre as palestras para realizar as minhas pesquisas assim que chego em casa, pois o conteúdo esta fresco em nossa memória. Dessa vez, decidi escrever um post para levar esta informação a mais pessoas, que não puderam ir a esta edição do evento.

Sempre que posso, estou sempre comparecendo nos eventos que ocorrem na minha cidade, e faço o possível para ir em eventos em outras localidades. Tinha muita expectativa sobre o evento da Locaweb, pois eu não havia participado de nenhuma das outras edições. E posso afirmar, que todas as minhas expectativas foram atendidas.

O Local

O evento foi realizado no Ouro Minas Palace Hotel, um dos hotéis mais famosos da cidade. O lugar é irado, gigantesco e muito bonito. A estrutura do lugar ofereceu um ótimo ambiente para o evento, tornando o dia ainda mais agradável.

O Evento

Logo após o credenciamento, foi realizada a abertura do evento, por um dos gestores da locaweb. O evento se dividia em 2 salas: sala MBI (focada em assuntos voltados para Marketing, Business e Innovation) e a sala Tableless, totalmente focada em desenvolvimento web.

Nesta apresentação, foi nos apresentado o tema central do evento: Mobile Commerce. Ele nos mostrou o enorme crescimento das compras feitas através de dispositivos móveis , e como nós devemos nos preocupar com este público. Alguns dados levantados por ele durante a palestra:

  • No Brasil, em 2012, 2% das compras feitas na internet foram feitas através de dispositivos móveis. Em 2013, este número foi para 4% e em 2014, para 9,7%. Nos EUA, estas compras já representam 20%.
  • Segundo pesquisas do Google, ao final do ano de 2015, 50% das buscas feitas no Google, serão feitas através de um dispositivo móvel. Ou seja, a cada 2 buscas que serão feitas no Google, 1 será feita em um Smartphone ou Tablet.

Estes dados realmente abriram muito minha mente, principalmente porque eu atuo em projetos de e-commerce. Se preocupar com o mobile não é apenas reajustar o conteúdo da sua página, para que o conteúdo seja acessado através de vários dispositivos. É preciso criar a melhor experiência possível para o usuário, independente de tela e resolução. Isso é o que realmente importa.

Ache o seu par …

Ao realizar o credenciamento, cada participante ganhava uma etiqueta de uma cor, e um número. Ao final da palestra, os organizadores informaram que quem localizasse o seu par (a pessoa que tinha a etiqueta com o mesmo número que o seu, mas de cor oposta), ambos ganhariam brindes da Locaweb.

Isso permitiu uma rápida interação entre as pessoas. Cada pessoa tentava achar o seu par de algum jeito: alguns postavam no Twitter; outros no Instagram; escreviam nos bloquinhos o seu número e ficavam exibindo para os outros; olhavam o número de cada um; ou faziam todas essas coisas …

Foi bem bacana esta interação rápida com as pessoas, o evento mal tinha começado e o Networking já estava acontecendo. Infelizmente não achei o meu par …

Sala Tableless

Depois da abertura do evento e do Coffe Break (que por sinal, foi excelente), fui para a Sala Tableless para assistir as palestras do evento.

Tudo o que você precisa saber sobre picture e srcset

Eu já havia assistido a uma palestra do Sérgio Lopes no FrontInBH. Eu não fazia ideia de qual assunto ele iria abordar, mas estava tranquilo de que seria uma grande palestra, pela forma e entusiasmo de como ele nos apresenta o conteúdo.

Ele mostrou de uma forma bem clara, os problemas que temos com relação a renderização de imagens, quando falamos em imagens responsivas e em telas diferentes. Ele mostrou uma forma simples de resolver este problema, utilizando os novos atributos srcset e sizes para a tag img, e também mostrou como podemos utilizar a tag picture, sem a utilização das já conhecidas media queries. Assim que os slides forem publicados, dá uma boa olhada neles e você verá como é simples resolver este problema.

Javascript para adultos

Logo depois, o Mauricio Soares nos apresentou muitas features e recursos do Javascript, e como usá-las da forma correta. E em tempos onde as aplicações web estão ficando mais ricas e complexas, utilizar bem os recursos que a linguagem nos proporciona, é fundamental.

Escopo, hosting, closures, contructors e prototype, como o “this” realmente funciona e passagem de objetos por referência, foram algumas coisas que ele apresentou, além de muitos exemplos. Foi muito massa.

Link da Palestra: https://speakerdeck.com/mauriciosoares/javascript-para-adultos

Hora do almoço

Enquanto as palestras ocorriam, escutávamos alguns gritos na sala ao lado. Não entendiamos bem o que quera. Quando saímos para o almoço, percebemos o real motivo daqueles gritos.

Estava acontecendo, simultaneamente ao evento, a Copa de Esgrima em Cadeira de Rodas. Eu só havia visto este esporte pela TV. Foi surreal. Tinha atletas da equipe paraolímpica, e a dedicação deles era impressionante. Ficamos um bom tempo olhando os combates.

Tray OpenCode

Na volta do almoço, subiu ao palco o Richard Santos, mostrando em uma talk bem rápida como criar e trabalhar com templates para e-commerce, de uma forma rápida e produtiva, através da ferramenta OpenCode.

Dentro do próprio ambiente da ferramenta ou utilizando linha de comando, você consegue alterar um template de forma rápida e já torná-lo disponível para o uso em seu projeto.

As escolhas do desenvolvedor

O Willian Molinari subiu ao palco e nos mostrou que algumas coisas na nossa carreira, são opções ou escolhas…. já outras, não. Ele mostrou que saber inglês, e estar sempre se atualizando (seja através de eventos, projetos open source e etc) são coisas que devemos fazer para sermos desenvolvedores melhores.

Ele também mostrou que escolhas como linguagens e ferramentas, devem ser feitas mediante ao problema que precisamos resolver e qual irá me oferecer mais vantagens diante deste cenário. Ele ainda falou um pouco sobre testes, servidores, versionamento de código e deploy.

Dissecando o protocolo HTTP2

Em seguida, o Rafael Rinaldi nos apresentou as novidades a respeito do protocolo HTTP, base para a comunicação na nossa World Wide Web. Ele mostrou como o protocolo HTTP funciona, e quais as mudanças que ocorreram até esta nova versão do protocolo.

Ele citou a evolução que as aplicações web sofreram, e como devemos nos preocupar com a performance, e como alguns recursos do HTTP2 como Hpack e Server/Cache Push irão nos auxiliar.

Continuous integration, Automated Build e Continuos Deploy

O Robson Agapito foi ao palco e nos mostrou toda a mudança que ocorreu no processo de deploy da locaweb. Ele contou os diversos problemas e situações que eles encontravam, e como estas ferramentas de Continuos Integration, como o Jenkins, automatizaram e melhoram o processo de deploy.

Link da palestra: http://pt.slideshare.net/robsonagapito/continuous-integration-automated-builds-e-continuous-deploy-desenvolvimento-com-qualidade

Entendendo o DOM,CSSOM,RenderTree e como os browsers montam nosso código

A última palestra do evento ficou sob o comando de Diego Eis. Ele falou sobre todo o processo de construção de uma página web, mostrando como que o navegador se comporta, ao realizar a criação do DOM, do carregamento do CSS através da CSSOM, de como é montada a RenderTree, e por fim, a etapa de layout e print, que é quando o browser renderiza os elementos e os exibe na tela.

Ele também nos alertou sobre os cuidados que precisamos ter com o nosso código CSS e JS, mostrando como uma simples manipulações de elementos no HTML via Javascript (show/hide) ou a utilização de um !important no código CSS, provocam um imenso retrabalho para o browser, para renderizar todo o conteúdo novamente, acarretando em perda performance.

Os links das palestras estão sendo disponibilizados pouco a pouco. A medida que os links forem surgindo, atualizarei o post.

Vá a próxima edição

Se a #17elw ainda não aconteceu na sua cidade, corra e faça a sua inscrição, pois irá valer a pena. Se você é de BH e não pode ir nesta edição, não perca a próxima, pois o evento é muito organizado e traz conteúdos atuais e importantes para o nosso dia a dia.