Um texto para quando eu aprender a me amar.

Estou cansada de escrever textos sobre você, não vale meu esforço. Esse texto é dedicado a mim e não a você. Eu estou tentando não ligar pra tudo isso, é difícil. Te esquecer é difícil. Não estou muito longe de você, eu posso te ver mas não posso te ter. Eu poderia jurar que você está beijando ela, mas eu tola prefiro acreditar em qualquer coisa que justifique essa proximidade de vocês. Esse texto é dedicado a mim não a você. É dedicado a tudo que eu passei, é dedicado à toda a minha angústia, a toda dor e a toda minha burrice de não ter me apaixonado primeiro por mim. E talvez depois por você. Talvez hoje as coisas fossem diferentes, a dor, o sofrimento, tudo. Por que quando tudo acabasse eu ainda estaria te amando mas não da mesma forma. Amor próprio eu nunca tive. Eu poderia dizer aqui que, depois de tudo eu finalmente aprendi a me amar. Infelizmente. Não. Eu não aprendi, talvez um dia eu descubra o quão boa eu sou. Talvez um dia eu seja suficiente pra você, talvez nesse dia você não seja o suficiente pra mim, eu serei o suficiente. Esse texto é dedicado a mim, não a você. Então por favor se um dia você leitor se encontrar na mesma situação por favor saiba, que você é linda não importa o quanto digam o contrário, eu sei que às vezes te falam tanto o quanto você não é boa que quando alguém finalmente te diz o contrário você não acredita, eu também não acredito.

-Sereiando

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.