As profissões que irão desaparecer em um futuro não tão distante.. (veja se a sua está na lista..)

No mercado de trabalho a tecnologia tem duas facetas, ao mesmo tempo que auxilia e automatiza diversos segmentos, ela também pode ser a causadora da extinção de algumas profissões.

Acredite se quiser, houve uma época onde as pessoas aos finais de semana iam locadoras alugar seus filmes favoritos para assisti-los em seus DVD’s, ouviam musica em seus discman e postavam no Orkut. Nesse mesmo período, acreditamos estar vivendo no auge da tecnologia, mensagens instantâneas e gratuitas ao invés dos demorados e pagos SMS’s, nossa isso parece ser genial.

A verdade é que nunca antes houve tanta informação disponível para a massa como agora, pense bem a um tempo atrás, o quanto seria difícil obter um orçamento de um determinado produto, sem que o possível vendedor não colocasse uma margem significativa de lucro em cima do negocio a ser fechado em potencial. A falta de informação era sua aliada, o mesmo poderia acontecer com profissões que detinham o poder da informação, tais como médicos na hora de receitar um medicamento ou procedimento, corretores de imóvel ou até assistências técnicas em geral.

Com o “boom” da tecnologia a informação se fez acessível para todos, e com isso de certa forma empodera o cliente e seu poder de barganha:

Vale lembrar que as profissões citadas aqui não necessariamente irão desaparecer. O que acontece é que sempre existem os dois lados da moeda, ao mesmo tempo que faz tão bem para alguns, pode fazer um grande mal para outros, vou embasar minha afirmação em um caso bastante conhecido: Locadoras e Blockbuster vs Netflix. A maioria rede de locadoras desmoronou com a chegada da era digital, que por sua vez oferecia filmes online através da pirataria, não soube aproveitar a oportunidade de ao invés de locar fisicamente, passar a transmitir por streaming como a Netflix e então desapareceu.



O fato é que a informação irá mudar muita coisa que conhecemos, algumas profissões deixaram de existir, outras irão evoluir. Refletindo um pouco sobre o assunto, encontrei umas profissões que ao meu ver deixarão de existir em um futuro bem próximo.

AGENTES E AGENCIAS DE VIAGEM

Os pacotes oferecidos pelos agentes e agencias de viagem possuem obviamente uma margem de lucro para o mercado conseguir funcionar, acontece que cada vez mais no futuro as pessoas estarão propensas a planejarem suas viagens por si próprios.

Existem até agencias de viagens online que conseguem sem esforço algum encontrar o melhor preço no dia desejado, mas caso ainda prefiram a flexibilidade de criar o roteiro por conta, a hospedagem pode ficar por conta do Airbnb ou do Booking, as refeições podem ficar por conta do iFood e similares, o transporte pelo Uber e seus semelhantes e atualmente o consumidor pode até comprar milhas online e utiliza-las para trocar por passagens áreas.

ASSISTÊNCIA TÉCNICA DE CELULARES E COMPUTADORES

Esse nicho de mercado, que faz muitas vezes as pessoas mais leigas de vitimas, cobrando preços abusivos em cima de suas peças e reparos pode estar com os dias contados. Não deixa de ser uma iniciativa de empreendedorismo quando o seu amigo abre uma assistência naquele sobradinho mas com o mercado na ponta dos dedos do consumidor, é possível que o mesmo faça o reparo por conta própria do defeito, podendo ordenar as peças pelo e-commerce e assistir tutoriais de como executar o serviço no YouTube. Claro que existem casos em que o serviço não é tão simples assim e você que trabalha no ramo pode argumentar sobre a garantia e a qualidade do serviço, mas eu acredito que assim como a tecnologia trouxe esse nicho de mercado ela pode leva-lo de uma hora para outra.

DESIGN/ILUSTRADOR/PUBLICIDADE

Falar sobre essa daqui pode ser um quanto tanto polemico. Desaparecer neste caso não é a palavra certa a ser empregada, mas eu diria que essa profissão irá sofrer com algumas variáveis. A pessoa que cursa uma universidade com toda a certeza deseja obter um retorno do montante e do esforço investido, e como ela faz isso? Da mesma forma com que o comerciante coloca sua margem de lucro no produto que vai vender, o profissional dessa área estabelece um preço para a prestação de seus serviços.

Sem duvidas uma campanha publicitaria de qualidade pode impactar direto no produto/serviço a ser oferecido a um determinado mercado, acontece que hoje em dia cada vez mais surgem freelancers tão criativos e competentes quanto os formados pela educação formal, o que acaba impactando no preço do serviço a ser prestado. As grandes agências e demais profissionais poderão argumentar que aí está em jogo a qualidade, competência e comprometimento do profissional, mas a verdade é que com a informação ao alcance de todos e competindo com um mercado global, essa nicho de mercado irá sofrer algumas mudanças.

BANCÁRIOS/LOTÉRICOS

Com o “boom” da informação, surgiram novas oportunidades e um nicho de mercado conhecido como fintech ou seja startups voltadas para apresentarem soluções tecnológicas voltadas para o setor financeiro. Talvez a principal seja o Nubank, cartão de crédito pré-pago sem anuidade e sem burocracia, parece um sonho esse tipo de serviço, mas algo desse tipo só é possível de ser oferecido porque não existem agencias físicas do banco, papelada, dentre outros fatores que pesam na hora que são repassados para os consumidores.

Isso sem contar na comodidade e no ótimo atendimento que é oferecido, contrastando com o serviço oferecido por alguns bancos aí. O mesmo acontece com casas lotéricas, o internet banking em pouco tempo fará com que esses estabelecimentos caiam em desuso. E convenhamos, é muito mais simples escanear o boleto e pagar direto do seu celular do que enfrentar uma eternidade na fila.



OPERADORES EM TELEMARKETING

É difícil escapar dos famosos operadores de telemarketing, em qualquer grande rede que você tiver duvidas ou precisar contata-los irá se deparar com os profissionais de telemarketing para realizar seu atendimento. Acontece que a chamada “internet das coisas” está desenvolvendo uma especie de “robô inteligente” capaz de atender usuários como se fosse um humano. A tecnologia vem sendo desenvolvida e testada e até algumas grandes empresas durante o atendimento atualmente sugerem que você esteja olhando a pagina virtual da próxima vez para poupar seu tempo.

Algo que talvez seja ruim para nossa economia é que esse segmento emprega muitas pessoas que seriam possivelmente cortadas caso a empresa venha evoluir suas formas de atendimento ao cliente.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Vale a pena lembrar que respeito toda a forma de trabalho honesto e que passa longe das minhas intenções desvalorizar qualquer profissão mediante a comunidade. Muito pelo contrário, minha intenção é a de expandir os horizontes do leitor e fazer a provocação de um debate sobre como a tecnologia pode impactar as profissões a longo-médio-curto prazo.

O assunto das profissões das profissões que irão se beneficiar com a tecnologia fica para uma próxima postagem. Até! :)

SOBRE O AUTOR: Estudante de Administração de Empresas, apaixonado por tecnologia, futebol e aspirante a escritor.