Caroço

Meu peito é terra e lá foi deixado um caroço. Veio de uma árvore nascida em outro peito, a mais frondosa, do fruto mais doce dessa árvore. O caroço dói, mas sossego quando entendo que está germinando. Quase sinto as raízes recém nascidas abraçando meus brônquios, ansiosas por se firmarem.

Foto: João Daniel Barros | Instagram: @joaodaniel.fotografia

Encho meus pulmões com o máximo de ar porque não é fácil respirar, não de verdade — a respiração correta é consciente e há pouco tempo o sou. Me exponho à luz e ao calor como nunca. Quero dar plenas condições para que a vida finalmente se arvore em meu peito.