18º Prêmio ABRE: a importância do design em 5 embalagens vencedoras

Falar sobre a importância do design no mercado de embalagens já soa quase como uma redundância, não é verdade? Mas nunca é demais refrescar a memória e relembrar alguns dos motivos que levam essa área a ser tão essencial.

Um design de embalagens eficiente, funcional e inteligente impacta positivamente a experiência de consumo, ao mesmo tempo em que cria conexões com seus clientes. E é por esse motivo que ele é decisivo para garantir que o consumidor adquira (e continue adquirindo) o seu produto.

Para que isso ocorra, vários fatores devem ser levados em conta, já que também são vários os motivos que influenciam o modo como as pessoas perceberão sua marca por meio da embalagem. Diferenciar, chamar a atenção, transmitir valores e defender causas são caminhos eficientes. Mas também é possível utilizar o design para pensar em formas de facilitar o uso de um produto, resolver um problema ou satisfazer alguma necessidade do seu público.

Agora, para escolher as melhores formas de abordagem, é imprescindível acompanhar o mercado e investir em pesquisa. Só assim uma marca pode entender o que os consumidores esperam da sua embalagem e qual tipo de relação eles estão dispostos a estabelecer com o produto que você oferece. Mas, para não ficarmos apenas na conversa, vamos a alguns exemplos de marcas ganhadoras na 18ª edição do Prêmio ABRE, com um design de embalagens voltado para a experiência de consumo!

1) Delineador Líquido Roller Makeb

Vencedora Ouro na categoria Design Estrutural — Funcionalidade, esta embalagem do Grupo Boticário priorizou a eficiência e facilidade durante a aplicação do produto, pensando inclusive em quem nunca usou um delineador líquido. Para isso, a empresa focou nos detalhes: a nova embalagem conta com formato ergonômico, fechamento com click e um aplicador que desliza facilmente, garantindo um controle total em cada gesto. Além disso, há um retentor duplo que assegura uma quantidade correta para a aplicação.

2) Pilão — Abre e Fecha

Prezando pela funcionalidade, a marca Pilão lançou sua nova embalagem “Abre e Fecha” com zíper, para cafés torrados e moídos. A novidade levou em conta uma pesquisa de mercado que apontou que mais de 70% dos consumidores mantêm o café dentro da própria embalagem. Era necessário, então, chegar a um modelo que preservasse o aroma, o frescor e o sabor do produto, e que, ao mesmo tempo, ganhasse em comodidade e praticidade.

A solução foi usar um material com propriedades que protegem o café e garantem baixos níveis de oxigênio residual. E o resultado foi uma embalagem funcional e moderna, que ganhou a Prata na categoria Embalagem de Bebidas Não Alcoólicas.

3) By Aura Soft Brownie

O tradicional brownie cremoso By Aura, que já tem 19 anos de mercado, investiu em um visual mais moderno para as suas embalagens, levando a Prata na categoria Design Gráfico — Redesign Alimentos e Bebidas.

A nova abordagem permite a visualização do produto de maneira mais atrativa e destaca nuvens em 4 cores, que diferenciam os sabores e remetem à maciez do brownie. Além disso, as embalagens agora conservam o produto por 45 dias (preservando seu sabor) e ficaram bem mais fáceis de abrir, manusear e expor nos pontos de venda.

4) Pilha Super Alcalina Fusion Rayovac

Procurando se diferenciar dentro da categoria de pilhas, a Fusion Rayovac quebra com o paradigma da cartela retangular e ganha mais destaque nos pontos de venda.

Vencedora Prata na categoria Embalagem de Produtos em Geral, ela foi feita em formato oval e tem o diferencial de possuir uma abertura de “Saiba Mais”, com explicações sobre a tecnologia, os benefícios e a aplicação do produto. Esse formato de “cartela dupla” (que ocupa o mesmo espaço nas gôndolas) possibilita melhor comunicação com o consumidor, algo interessante de ver em uma categoria em que, geralmente, não há muito espaço para isso.

5) Tampa Natural One

A tampa esverdeada da garrafa da Natural One já era uma marca icônica da empresa. Agora, após passar por um processo de redesenho e personalização, traz mais funcionalidade e diferenciação para a embalagem, que conquistou a Prata na categoria Design Estrutural — Forma do Prêmio ABRE.

O bocal mais largo (que agiliza o processo de envase asséptico), o lacre de segurança e o fácil sistema de abertura e fechamento conferem características únicas à garrafa, que pode ser reciclada e reaproveitada pelos consumidores.

Como você viu, existem várias possibilidades para que a sua empresa pense no design de embalagens como algo que vai muito além dos aspectos estéticos. Como ele, é possível transformar para melhor a experiência do consumidor, deixando-a mais exclusiva e original. E você, concorda com isso? Conte nos comentários o que você achou!