Entenda os Diferentes Cargos e Termos em UX/UI Design

Aela.io
Aela.io
Oct 31 · 9 min read

Neste artigo, vamos esclarecer as dúvidas a respeito dos diversos cargos e nomenclaturas existentes na área de UX Design, explicando 5 deles em detalhes. Esperamos que te ajude a entender mais sobre UX e suas possibilidades!

Photo by Daria Nepriakhina

Você deseja migrar para UX/UI Design?

Durante a semana do dia 28/11 a 08/12 acontecerá o último Workshop desse ano “Migrando para Product Design (UX/UI)”. 100% Online e Gratuito!

Participe e descubra os passos necessários para decolar sua carreira e conheça as diversas oportunidades no mercado nacional e internacional. Inscreva-se aqui: bit.ly/migrandouxui


A área de UX/UI Design ainda gera grande confusão. Principalmente em se tratando dos diferentes termos, cargos e o conhecimento que o Designer precisa possuir.

Entendemos que tudo isso pode ser confuso para quem quer migrar ou está dando os primeiros passos na carreira. São muitos os cargos e nomenclaturas dentro da área de Design Digital, como:

  • UX Designer;
  • UI Designer;
  • Product Designer;
  • Interaction Designer;
  • Service Designer.

Mas não se preocupe. Continue lendo que vamos te explicar o que significa cada um deles!

Cargos mais procurados em Design, de acordo com pesquisa da Invision
Cargos mais procurados em Design, de acordo com pesquisa da Invision
https://www.invisionapp.com/hiring-report
Cargos mais procurados em Design, de acordo com pesquisa da Invision

O Que Significam Esses Termos?

O primeiro passo para entender as nuances de cada cargo é entender as variadas terminologias que existem em UX. Uma vez que você compreende o que cada termo significa, fica mais fácil de entender suas diferenças teóricas e como elas se aplicam na prática.

Então, antes de falar sobre os variados cargos, vamos comentar brevemente sobre CX (Customer Experience), área comumente confundida com UX (User Experience).

O que é CX e o que é UX?

CX (Customer Experience) é uma área mais abrangente que UX (User Experience). Ela engloba toda a história e experiência de uma pessoa com uma empresa. O CX leva em consideração todos os serviços e produtos da empresa, além de todas as jornadas e interações; não somente as que tocam em uma interface específica.

Desta forma, CX resume toda a relação da pessoa com a marca, focando em converter sua experiência positiva em resultados para a empresa.

Já UX (User Experience) é mais específico. É o termo referente a toda experiência que um usuário tem ao utilizar um determinado produto ou serviço. Isso pode ocorrer a partir do momento em que o usuário se interessa por um dos serviços da empresa ou quando começa a interagir com este produto/serviço.

Desta forma, podemos dizer que o UX é um elemento do CX.

UX Design

Jakob Nielsen e Donald Norman, renomados especialistas da área, resumem UX Design como a maneira de estudar diferentes e melhores formas de atender às necessidades dos usuários e mantê-los satisfeitos ao longo de toda sua jornada.

O principal objetivo do UX Design é colocar o usuário no centro das operações.

Ele se preocupa com cada etapa em que o usuário interage com o produto/final, focando principalmente na experiência final.

O UX Designer é responsável por descobrir quais são as dores dos usuários. Além disso, determina como a interface vai funcionar, como ela é organizada e como cada parte conversa com a outra.

Se toda a comunicação interna de uma interface for boa e a navegabilidade for intuitiva, o usuário terá uma boa experiência.

10 razões para afirmar que UX Design é a melhor profissão do mundo

UI Design

A sigla UI significa User Interface, isto é, interface do usuário. O UI Design é responsável por desenvolver interfaces que agem como intermediárias, visuais, entre o homem e a tecnologia (celular, computador, TV).

Por ter uma relação direta e influenciar a percepção do usuário final quanto ao produto/serviço, o UI Design é hoje indispensável no mercado de Design.

Todo tipo de elemento visual, interação ou animação de interface é colocada em um seu devido lugar por um UI Designer. Este profissional alinha cada elemento com os demais de uma interface para criar algo em harmonia e de fácil usabilidade.

Os UI Designers são responsáveis por escolher as cores de uma interface, as fontes utilizadas, o espaçamento do texto, tamanho das linhas, entre diversos outros elementos.

Sua principal função é desenvolver uma interface que seja intuitiva para o usuário. Utilizando-se de conceitos estéticos, mas vai muito além de beleza visual.

Product Design

Product Design é a área que engloba tanto o UX quanto o UI Design, focando especificamente em produtos digitais.

Essa área engloba todo o processo da criação de produtos e entrega de experiências; começando por entender e definir um problema ou necessidade real e pensando em soluções.

Product Designers normalmente trabalham em times com outros profissionais, como desenvolvedores, engenheiros da computação e profissionais de marketing. O Product Designer geralmente se envolve desde as fases de pesquisas até os testes de usabilidade. E por trabalhar lado a lado com outros profissionais que cuidam dos aspectos técnicos de um mesmo produto, todos precisam saber se comunicar.

Desenvolver um produto envolve um processo analítico e depende de uma postura aberta à resolução de problemas que melhorem a vida dos usuários. Portanto, além de solucionar problemas, o Product Designer precisa identificar e entender quais são os problemas e dores dos usuários, para aí sim pensar em qual seria a solução.

Observe que o Product Designer foca em produtos digitais e usa metodologias relevantes, como Product Management, Agile e Lean UX. Caso essas metodologias não estejam presentes, é preciso refletir se de fato está fazendo Product Design (pois, provavelmente, não está).

Você sabe o que é o Design centrado no usuário? Conheça sobre essa prática neste artigo

Entenda na Prática

Um exemplo de Product Design foi a criação da NuConta, do Nubank, relatada pela própria equipe de Design do banco digital. O time envolvido fez um levantamento de desafios e necessidades que poderiam resolver. A partir delas, começaram a definir personas, chegando até 8 — dessas, a equipe escolheu duas para priorizar num primeiro momento.

Após definir o problema e a persona, os Product Designers começaram a elaborar wireframes e protótipos de alta/baixa fidelidade e a testá-los com os usuários. O usuário é sempre colocado no centro para garantir que o produto final realmente solucione um problema ou necessidade.

Com os testes aplicados e tudo indo bem, a NuConta foi lançada, mas o trabalho não parou por aí. O Nubank deixou um espaço para feedbacks e opiniões. Desta forma, verificava sempre como poderia melhorar ainda mais sua solução para seus usuários.

Portanto, Product Designer é responsável pelo design de Produtos Digitais (softwares, sistemas, aplicativos). A área cobre o processo do início ao fim, visando identificar problemas, criar soluções e testa-las para continuar evoluindo o produto.

Confira a entrevista da Amanda Damasceno, aluna do bootcamp MID que migrou de Designer Gráfico a Product Designer

https://unsplash.com/@medbadrc
https://unsplash.com/@medbadrc

Design de Interação (Interaction Design)

O Design de Interação se refere às definições das interações entre o usuário e a interface. Se assemelha bastante a UI Design, mas a nomenclatura Interaction Design em geral implica conhecimentos mais profundos em relação a usabilidade e psicologia das interações entre o homem e máquina (HCI — Human Computer Interaction).

Seu principal objetivo é garantir que o produto/serviço tenha o melhor desempenho possível durante a interação com o usuário. Além disso, estuda a evolução da relação dos humanos com as interfaces.

Service Design

Service Design tem o objetivo de mapear e desenhar os serviços necessários para que o produto seja utilizado pelos usuários, incluindo todos os agentes (humanos ou não) necessários para que a jornada do usuário seja bem sucedida.

Essa área está muito relacionada em como a experiência do usuário é criada. As pessoas, processos, tecnologia, entre outros, precisam estar alinhados para que tudo funcione corretamente.

Service Design normalmente envolve utilizar mapas de jornada do usuário. Essa prática ajuda a entender mais sobre a interação de cada um e prover insights mais assertivos.

Diferente das demais vertentes, o Service Design trabalha na perspectiva do serviço e da empresa, levantando questionamentos em todos os pontos de contato entre os usuários, a empresa e os agentes externos que influenciam na jornada. Ou seja, o usuário é o beneficiário final, mas todos os esforços aqui se concentram em como fazer o serviço funcionar.

Outras possibilidades

Além disso, o Service Designer pode organizar as demais áreas, como marketing, vendas, Product Design e TI, para trabalharem juntas e de forma eficaz.

Um exemplo de Service Design é quando uma companhia aérea promete, após um voo, devolver as malas primeiramente para os clientes VIPs, e depois para os demais. Se tudo for bem orquestrado e executado, estes usuários terão uma ótima experiência, pois tiveram o que foi prometido. No entanto, se as malas chegarem junto com as dos demais passageiros, esta quebra no fluxo do serviço pode demonstrar um desalinhamento dentre os agentes deste serviço — o que precisa ser investigado pelo Service Designer.

O que é Design Thinking e como aplicá-lo em seus projetos

É importante entender que, apesar dessas diferenças, um mesmo profissional acaba, muitas vezes, desempenhado diversas funções em um mesmo cargo.

É também importante notar que maioria das vertentes que apresentamos trabalham com técnicas de Design Thinking, adaptadas a cada situação.

Além disso, bons profissionais de Design utilizam metodologias de UCD — User Centred Design (Design Centrado no Usuário).

Como Está o Mercado de UX Design?

De acordo com pesquisa publicada pelo NN/g, a expectativa é de que entre 2017 e 2050, o UX Design cresça de 1 milhão para 100 milhões de profissionais.

Segundo o grupo, de 1950 a 1983 a área cresceu de 10 profissionais para 1000 . Entre 1983 e 2017, o número foi para cerca de 1 milhão.

Número de profissionais de UX Design ao longo dos anos, de acordo com o NN/g
Número de profissionais de UX Design ao longo dos anos, de acordo com o NN/g
https://www.nngroup.com/articles/100-years-ux/?fbclid=IwAR2xAVOods_OKtf_zpGBnVn-kmOek4r3OJKy60ig0MLwUAUPjM479YYeC7g
Número de profissionais de UX Design ao longo dos anos, de acordo com o NN/g

Na pesquisa, o grupo aponta que o crescimento da área ocorre de 4 formas:

Outra pesquisa, feita pela Invision, descobriu que dos 1635 entrevistados da área:

  • 81% (4 em 5) são contatados mensalmente por recrutadores;
  • 34% (1 em 3) são contatados semanalmente;
  • 6,1% sentem que estão sendo mais contatados esse ano do que no ano passado.
Frequência com que os recrutadores entram em contato com Designers
Frequência com que os recrutadores entram em contato com Designers
https://www.invisionapp.com/hiring-report
Frequência com que os recrutadores entram em contato com Product Designers

Confira os principais insights do 2019 Product Design Hiring Report

Essa alta procura acaba consequentemente elevando os salários dos Designers das áreas listadas. 84% dos entrevistados pela Invision afirmaram ter recebido um aumento nos últimos dois anos.

Com a alta demanda, os Designers podem até escolher onde querem trabalhar. Algumas das qualidades que os Product Designers procuram em sua próxima oportunidade de trabalho são:

  • A possibilidade de resolver problemas desafiadores;
  • Salário alto;
  • A possibilidade de trabalhar remotamente;
  • Equipe de Design já estabelecida.
Qualidades mais procuradas por Product Designers em companhias de Design
Qualidades mais procuradas por Product Designers em companhias de Design
https://www.invisionapp.com/hiring-report
Qualidades mais procuradas por Product Designers em companhias

O “Boom” do UX Design — entenda o crescimento dessa área e quais as perspectivas futuras.

Vagas em UX Design

Como mostramos anteriormente, o mercado dessa área está bastante movimentado e ativo. São inúmeras vagas cadastradas em diversos sites, como vagas.com, trampos.co e LinkedIn. Diariamente nossos alunos do Bootcamp MID postam em nossa Comunidade vagas e oportunidades em UX Design no mercado nacional e internacional.

Vagas em UX Design cadastradas no Glassdoor
Vagas em UX Design cadastradas no Glassdoor
https://www.glassdoor.com.br/Vaga/s%C3%A3o-paulo-ux-design-vagas-SRCH_IL.0,9_IC2479061_KO10,19.htm
Vagas em UX Design cadastradas no Glassdoor

Se você for uma pessoa dedicada, motivada e curiosa, as chances de se dar bem em UX/UI Design é alta. Além disso, os salários para essas funções é bem elevado, devido a alta demanda. Portanto, caso queira migrar de área, esse é um excelente momento para fazer isso.

Carreira em UX Design em 1 ano ou menos — é possível?

Salários em Product Design cadastrados no Glassdoor
Salários em Product Design cadastrados no Glassdoor
Salários em Product Design cadastrados no Glassdoor

Esperamos que esse artigo tenha te ajudado a entender melhor as diferenças entre os diversos cargos de Design relacionados com a experiência do usuário. Apesar de serem várias funções, muitas vezes um mesmo profissional irá realizá-las cada uma em um só cargo, dependendo da empresa e tamanho do projeto.

Para você se tornar um UX Designer, é essencial que você se dedique muito e faça cursos que te ensinem conceitos teóricos e práticos e que te ajudem a desenvolver um portfólio.

O estudo deve ser contínuo, não só no momento de migrar. Deve ser algo sempre presente na vida do Designer. Como a área está em muito desenvolvimento, é preciso se manter atualizado nas tendências, mas possuir uma sólida base teórica.

Caso queira migrar ou se atualizar mas não sabe como, entre em contato conosco através de um de nossos canais: contact@aela.io, Instagram ou LinkedIn.



Aela.io

Design, Interaction e UX. Com muito de tecnologia e foco internacional.

Aela.io

Written by

Aela.io

Design, Interaction e UX. Com muito de tecnologia e foco internacional.

Aela.io

Aela.io

Design, Interaction e UX. Com muito de tecnologia e foco internacional.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade