Gilson Fernandes, 42 anos

Entrei aqui em janeiro de 2014. Eu me interessei porque gosto de coisas novas e queria experimentar o trabalho voluntário.

Estavam precisando de um percussionista na Banda Tocando Em Frente, da musicoterapia. Aí eu entrei. Também sou músico percussionista da Orquestra Sinfônica de Teresina.

O grupo tem uma energia muito boa, a gente acaba se envolvendo com os pacientes, com as suas histórias.

É um trabalho magnífico que eu gosto demais. E ainda rendeu na ideia de fazermos o CD da Banda, em 2015, com lançamento no Palácio da Música.

Cada paciente tem suas dificuldades e limitações. Então pensamos em como aproveitarmos da melhor forma o som de cada um e registrarmos no CD.

Eu te digo uma coisa: a minha terça-feira mudou. Quando não consigo vir, sinto um vazio e fico torcendo para que a outra semana chegue logo.

Já fiz e tenho grandes amigos aqui!

Sou Gilson Fernandes e tenho 42 anos.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.