Melhorias do GLPI 9.2.x — Parte 1

O GLPI 9.2 saiu, a versão 9.2.1 corrigindo diversos dos bugs também já saiu e é por isso que eu chamarei essa versão de 9.2.x.

Junto com o número, a quantidade de melhorias no GLPI e funções mais perceptíveis não é pequena.

Começo aqui a citar as que mais me chamaram a atenção e que facilitam muuuito mais a nossa vida.

Melhorias na Performance

Quando se trabalha com milhares de Entidades, o GLPI se apresentava bastante lento. Agora não está mais. A Teclib’ fez testes em uma base com mais de 37.000 entidades conforme imagem abaixo.

Função Lembrar-me

Sabe quando você fecha a janela do GLPI e quando volta pra ele, precisa inserir login e senha novamente?

Pois é. A partir desta versão ele possui a opção de “Lembrar-me”. Agora não precisa inserir login e senha mais de 100x por dia para acessar o GLPI

A configuração da retenção dos cookies que seguram as sessões pode ser configurados pelo administrador do GLPI (por padrão são 7 dias).

Pesquisas salvas

As pesquisas salvas, forma com que criamos os filtros pré-configurados, ganharam um belo upgrade na visualização. Não é mais um pop-up na tela e ficou muito mais bonito facilitando criarmos filtros pré-definidos e agilizar o dia dia dos técnicos do Service Desk trabalhando no GLPI.

Para chegar nela é só clicar na estrelinha no canto superior direito.

É possível também alterar as pesquisas salvas dentro das Listas Suspensas e com o contador de chamados é possível criar alertas para quando, por exemplo, uma pesquisa contiver mais de 10 resultados, o técnico seja alertado.

Menu de pesquisas difuso

Sabe aquela função ou configuração que você está procurando mas não lembra se está no menu Configurar ou no Administração, ou se de repente não está entre as Configurações de Entidades ou Geral?

Então. O GLPI tem uma complexidade grande e muitas vezes realmente não encontramos o que precisamos rapidamente. Com a combinação de teclas [Ctrl + Alt + G] você faz a pesquisa que precisar sem sequer usar o mouse -ADORO ISSO-

OLA (Operaional Level Agreements/Acordos Operacionais de Serviço)

A guia ‘SLA’ passou a se chamar ‘Service Levels’ e ganhou uma nova aba para o Gerenciamento de OLA.

O GLPI, como software aderente ao ITIL, segue a linha de raciocínio das bibliotecas que citam os SLA e os OLA. Os OLAs são os acordos feitos entre um provedor de serviços e outro serviço da empresa.

Exemplo para entender melhor:

Uma central de serviços oferece suporte 24/7 para seus clientes e se compromete em lidar com certos tipos de incidentes em até 2 horas e solucioná-los até o próximo dia: Esta configuração é feita nos SLAs do GLPI.

Para entregar esse nível de serviço, pode ser necessário que o mesmo incidente seja escalado para 3 times internos diferentes (dependendo de localização de cliente, serviços envolvidos, natureza do incidente…). Cada time se compromete em lidar com a sua demanda em no máximo 15 minutos e encaminhar sua solução à central de serviços em até 1 hora: Isto é um OLA.

A equipe de desenvolvimento tem noção de que a tela de chamados está ficando um pouco poluída com tanta informação e estão tratando isso como prioridade no futuro. Melhorar essa visão.

Além disso, a aba de estatísticas dos chamados apresenta uma nova linha do tempo mostrando os principais passos do ciclo de vida do chamado.

Se alguma data de SLA ou OLA é estourada, fica em vermelho.

Melhorias nos editores de texto rico

É possível colar imagens diretamente no corpo de chamados e artigos da base de conhecimento quando a função de text-rico está ativa.