Aprendizado e podcasts

Quem vem a minha casa geralmente faz alguma brincadeira devido a quantidade de livros que minha esposa e eu temos. Ler é algo que gostamos muito de fazer, embora cada vez temos menos tempo disponível para isso.

Uma mídia que descobri em 2012 e me ajuda a me manter informado, além das leituras, são os podcasts.

Podcasts são programas de áudio ou vídeo, cuja principal característica é um formato de distribuição chamado podcasting.
Podcasting é um meio de publicação de arquivos de mídia digital através de feed RSS, o que permite aos seus assinantes o acompanhamento ou download automático do conteúdo à medida que é atualizado.
- Leo Lopes: http://cursodepodcast.com.br/o-que-e-podcast/

Com uma simples busca na internet é possível encontrar muitos programas (podcasts), sobre os mais variados assuntos.

Para que tem iPhone, a aplicação de podcasts já vêm instalada por definição. Para usuários de Android há uma série de agregadores gratuitos e pagos (recomendo o WeCast, uma agregador nacional bem barato e de fácil uso, também disponível para iOS).

Som e aprendizado

Mesmo que existam podcasts em vídeo, os mais famosos e que mais consumo são os podcasts sonoros. Com o conteúdo condensado, transmitido de forma leve e amigável, os podcasts facilitam e ampliam as possibilidades de aprendizado. Além disso, permitem que você contemple assuntos novos ou distantes do seu cotidiano com pouco esforço.

A mídia sonora permite que eu continue aprendendo mesmo quando estou realizando atividades de casa, quando estou almoçando sozinho, no trânsito, esperando uma consulta médica, na fila do banco, transformando esses fragmentos de “tempo perdido” em momentos de aprendizado e fruição.

Listei abaixo alguns dos podcasts nacionais que escuto atualmente. Alguns deles tem periodicidade semanal, o que não quer dizer que escute-os a toda semana. Não coloquei nenhum de humor, somente os podcasts focados em conteúdo.

Loop Matinal
http://loopmatinal.libsyn.com/

Sobre o comando do Marcos Mendes do site Loop Infinito, o Loop Matinal sai toda madrugada, com periodicidade garantida (até mesmo em feriados). Escutar o Loop Matinal é ter as principais manchetes do mundo da tecnologia resumidas e comentadas em 10 minutos de audição.

Xadrez Verbal
https://xadrezverbal.com/category/podcast/

Podcast de política internacional entregue pela equipe da Central 3 e pelo historiador e professor de política internacional Filipe Figueiredo, do site Xadrez Verbal. As análises são de ótima qualidade, bem como os convidados. Mesmo um leigo em política internacional — tal como sou, consegue ficar inteirado do que está acontecendo, de modo crítico e inteligente.

Anticast
http://anticast.com.br

Originalmente um podcast de design, o Anticast trata de cultura, política e tretas (sim, tretas). Apresentado pelo designer e professor universitário Ivan Mizanzuk, o Anticast trás muita informação sobre história, debates sobre atualizades, visão crítica e entrevistas.

Visualmente
https://soundcloud.com/visualmente

Da mesma galera do Anticast, o Visualmente veio para trazer novamente as pautas e discussões sobre design. Com foco tanto em discussões de mercado quanto discussões mais acadêmicas sobre a área, o Visualmente trás uma visão mais crítica para o Design, algo que sintia muita falta de escutar desde que me formei na universidade. É comandado pelo Rafael Ancara, Almir Mirabeau e Ricardo Cunha Lima, designers e professores universitários.

Dragões de Garagem
http://scienceblogs.com.br/dragoesdegaragem/

Sempre tive muita curiosidade sobre temas relacionados a ciências naturais e o Dragões de Garagem veio a calhar para me manter inteirado de temas e discussões. É um ótimo podcast sobre o tema, feito por pesquisadores, bons entrevistados, com programas de grande profundidade de conteúdo.

Mamilos
http://www.b9.com.br/author/mamilos/

Sobre o comando das publicitárias Ju Wallauer e Cris Bartis, o Mamilos é um podcast que trata de polêmicas e temas pesados, com muita empatia e respeito. Um dos meus podcasts favoritos por apresentar discussões de alto nível, apresentando o maior número de visões sobre o tema, com uma bancada grande e variável.

Fronteiras invisíveis do futebol
https://xadrezverbal.com/category/podcast/fronteiras-invisiveis-do-futebol/

Não assisto à partidas de futebol. Não gosto, não tenho time, não sei o que se passa nesse mundo. Mas o Fronteiras Invisíveis do Futebol me atraiu para o tema. Mais um podcast da Central 3 com parceria do Felipe Figueiredo do Xadrez Verbal, eles usam o futebol como pano de fundo para discussões sobre geopolítica e história.

Salvo o melhor juízo
http://salvomelhorjuizo.com/

Nunca me interessei por direito até escutar o Salvo Melhor Juízo. Apresentado pelo professor universitário de história do direito Thiago Hansen, o podcast trata de discussões sobre legislação e direito, contextualizado por temas e problemas do nosso cotidiano.

Movimento UX
https://soundcloud.com/movimento-ux

Na UXConf 2016 tive o prazer de conhecer o Cristiano Sarmento e a Izabela de Fátima do podcast Movimento UX. A Izabela entrevista profissionais brasileiros da área de UX, trazendo uma visão diversificada da área, dos profissionais, regionalismos, uma apresentação do estado da arte da User Experience nacional.

Projeto Humanos
http://www.b9.com.br/podcasts/projeto-humanos/

A mais incrível experiência em podcast nacional é o Projeto Humanos. Coordenado pelo Ivan Mizanzuk do Anticast, o podcast trabalha com a linha de storytelling, o que é bastante diferente dos programas citados acima. Com a tagline, “histórias reais sobre pessoas reais” os programas misturam entrevistas com material editorial, dando um tom intimista e tangível para coisas que muitas vezes parecem distantes da gente. A primeira temporada tratou do holocausto, com foco em uma sobrevivente, a Lili Jaffe. Há capítulos de interím com histórias avulsas que também são muito tocantes e belos. A segunda temporada está tratando da guerra na Síria, algo que vemos na tela da tv, lemos uma notícia aqui e acolá, mas não parecemos entender. Escutem, é bom para o cérebro e para o espírito.


Se gostou do post, clica no ❤ abaixo para recomendá-lo para outras pessoas.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.